Quarta-feira, 24 de Julho de 2019
Manaus

Granada encontrada por crianças no Educandos é destruída pelo grupamento Marte da PM

Artefato foi encontrado no Porto das Catraias e destruído no terreno de uma casa localizada entre a Rua Manoel Urbano e o Boulevard Sá Peixoto



1.jpg Casos de bombas encontradas pela população tem se tornado frequente e preocupa grupamento especializado
13/10/2015 às 23:18

Uma granada encontrada por crianças no bairro Educandos, Zona Sul de Manaus, foi destruída às 21h20 de hoje (13) pelo  Grupamento de Manejo de Artefatos Explosivos (Marte) da Polícia Militar. O artefato foi encontrado no Porto das Catraias, por volta das 19h, e destruído no terreno de uma casa localizada entre a Rua Manoel Urbano e o Boulevard Sá Peixoto.

“Tratava-se de um artefato explosivo regular do tipo granada de mão”, disse o tenente Paulo Victor, integrante do Marte. De acordo com ele, a origem do material, de uso restrito, só vai ser averiguada depois dos procedimentos de pós-explosão.

"A gente estava na casa da minha tia quando percebeu que tinha uma viatura da polícia e um senhor segurando uma sacola branca na mão. Quando fomos olhar de perto tinha uma granada na sacola. A policia foi e colocou o artefato em um monte de areia na varanda da casa minha tia", contou o estudante Orlando Miquéias, 20.

Artefato foi desmantelado às 21h20 (Foto: Evandro Seixas)

A granada foi encontrada por duas crianças, que não tiveram os nomes revelados. "Fomos informados pela polícia que duas crianças estavam brincando perto do Porto Catraia, quando encontram o artefato e o levaram para esse senhor, que entregou a granada à polícia", disse Miquéias.

A granada, então, foi colocada sobre um monte de areia e o grupamento Marte foi acionado. "O Ciops fez o acionamento. A 2ª Cicom informou que o material foi encontrado pelas e crianças. Eles acionaram o Ciops e depois fizeram o isolamento da área", disse o tenente Paulo Victor. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) deram apoio à ação.

O tenente disse que os casos de granadas encontradas pela população estão virando rotina e que "isso é muito preocupante". "O trabalho feito nesse caso foi desmantelar o artefato explosivo. Fazemos isso por meio de um canhão especial que a gente utiliza para fazer o procedimento de fragmentação. Esse canhão fica acoplado ao veiculo terrestre de mão manipulado. Já fizemos esse trabalho em casos anteriores", disse Paulo Victor.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.