Publicidade
Manaus
Manaus

Greve geral de ônibus é suspensa em Manaus

Das dez empresas que atuam no transporte coletivo de Manaus, apenas a Vegas Transportes ainda não fechou o acordo com os órgãos públicos e Sindicato dos Rodoviários 18/07/2013 às 22:08
Show 1
A Prefeitura de Manaus também deu uma resposta positiva e ajudará a quitar a dívida com os trabalhadores, repassando a compensação financeira para as contas dos funcionários
Bruna Souza Manaus, AM

Após uma reunião que aconteceu na manhã desta quinta-feira (18), representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Manaus (STTRM) anunciaram a suspensão da greve do transporte coletivo que foi remarcada pela quarta vez em Manaus. Nove das dez empresas do sistema de transporte público da capital amazonense fecharam um acordo com a categoria que reivindicava principalmente o pagamento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e do o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

Nas negociações, as empresas se comprometeram a acabar com a compensação da hora trabalhada além da carga horária, por meio do banco de horas e o pagamento do abono salarial referente ao trabalho desenvolvido durante este período. A Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE-AM) participou da negociação que ocorreu na Delegacia Regional do Trabalho (DRT).

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado Amazonas (Sinetram) ficará responsável por encaminhar as empresas para fechar um acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF) em um prazo de até 20 dias a partir desta quinta-feira, além do recolhimento dos benefícios até o prazo determinado por lei. A Prefeitura Municipal de Manaus (PMM) também deu uma resposta positiva e ajudará a quitar a dívida com os trabalhadores, repassando a compensação financeira que seria feito às empresas para as contas dos funcionários que estão com os pagamentos do FGTS e INSS atrasados.

Em reunião realizada na sede do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), na última segunda-feira (15), o Sinetram já havia firmado um acordo com a categoria referente ao pagamento da Participação nos Lucros e resultados (PLR), que deverá valer a partir do ano que vem.

Das dez empresas que atuam no transporte coletivo de Manaus, apenas a Vegas Transportes ainda não fechou o acordo com os órgãos públicos e Sindicato dos Rodoviários. Uma reunião no fim da tarde desta quinta-feira (18) dos representantes da empresa e do sindicato avançou as negociações com a Vegas, mesmo assim nenhum acordo foi firmado, ainda.

De acordo com Josildo Oliveira, representante do sindicato que participa das negociações com a Vegas, uma nova reunião deve acontecer nesta sexta-feira (19), às 9h. Apesar disso, o sindicato decidiu que, por enquanto, não haverá paralisação.

*Colaborou Jorge Leite

Publicidade
Publicidade