Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
Manaus

Grevistas da Ufam participam de audiência pública para discutir a paralisação

Entre os pontos da audiência pública, solicitada pelo vereador Waldemir José (PT), está a paralisação nacional, deflagrada no dia 17 de maio, a reestruturação do Plano de Carreira Docente, o Plano Nacional de Educação, a situação estrutural da Ufam



1.jpg A paralisação das atividades dos professores da Ufam começou no dia 17 de maio por tempo indeterminado
11/06/2012 às 13:49

O Comando Local de Greve (CLG), professores, técnicos e estudantes da Universidade Federal do Amazonas (Ufam)  participam de uma audiência pública sobre a greve dos professores federais, na tarde desta segunda-feira (11), na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Entre os pontos da audiência pública, solicitada pelo vereador Waldemir José (PT), está a paralisação nacional, deflagrada no dia 17 de maio, a reestruturação do Plano de Carreira Docente, o Plano Nacional de Educação, a situação estrutural da Ufam, entre outros.



“Queremos dialogar com a sociedade os motivos que nos levaram a paralisar as atividades acadêmicas e reforça a nossa principal bandeira de luta que é o ensino público e de qualidade”, afirmou o presidente da Associação dos Docentes da Ufam (Adua), Antônio Neto.  

A greve da Ufam completa 26 dias.

Com informações de assessoria.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.