Quarta-feira, 21 de Abril de 2021
IMERSÃO COVID-19

Grupo que participou de festival clandestino de luxo responderá em liberdade

Os turistas, inclusive os estrangeiros, poderão retornar aos seus países ou estados de origem. Eles serão intimados por descumprir medidas sanitárias, conforme o artigo 268 do CP



7b2a1832-2df0-4aee-85a7-0c330be11811_E4E02AE1-A2B1-44AB-AF4F-09738A5D0862.jpg Foto: Arlesson Sicsú
07/04/2021 às 14:21

As 60 pessoas envolvidas em um festival clandestino no Amazonas responderão em liberdade, segundo informou a Polícia Civil do Amazonas (PCAM), na tarde desta terça-feira (7). O evento envolveu uma viagem por rios amazônicos em um iate de luxo. 

Estrangeiros e brasileiros participaram do festival. Os turistas, inclusive os estrangeiros, poderão retornar para os países ou estados de origem, onde poderão ser intimados a responder pelo crime, nacionalmente, de acordo com a PCAM, por meio do Departamento de Polícia Metropolitana (DPM) da instituição. 



O grupo, conduzido na noite de terça-feira (06) à Central de Flagrantes da Delegacia Geral (DG), descumpriu medidas sanitárias, conforme artigo 268 do código penal. Os 60 indivíduos assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). 

A PCAM informou, ainda, que não divulgará os nomes dos envolvidos na organização do evento para não atrapalhar os trabalhos policiais. 

Os participantes compraram pacotes de ingresso com custo entre R$ 6 mil e R$ 11 mil, de acordo com a cotação atual, visto que as vendas foram disponibilizadas em dólar.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.