Quarta-feira, 24 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
publicidade
publicidade

Manaus

Hissa, Pauderney e Donmarques deixam Prefeitura para disputar 2014 e Artur anuncia substitutos

Ao todo, cinco alterações foram feitas no secretariado municipal. Orlando Holanda fica no lugar de Hissa na Seminf, enquanto Humberto Michiles substitui Pauderney na Semed e Marcos Encarnação assume Secretaria Particular


12/12/2013 às 16:14

Hissa Abrahão (PPS), Pauderney Avelino (DEM) e Donmarques Mendonça (PDT) estão fora do secretariado da Prefeitura de Manaus para concorrerem como candidatos às eleições de 2014. A mudança nas secretarias de Infraestrutura (Seminf), Educação (Semed) e Particular, respectivamente, foi anunciada pelo prefeito Artur Neto nesta quinta-feira (12), que também divulgou as substituições e outras alterações.

Hissa Abrahão sai da Seminf para disputar o cargo de governador do Amazonas pelo PPS, enquanto Pauderney Avelino voltará à Câmara dos Deputados para tentar a reeleição em 2014 pelo DEM. Já Donmarques deverá disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Amazonas pelo partido PDT.

Como Hissa também é o vice-prefeito de Manaus, ele deverá pedir licença do cargo para não correr o risco de inelegibilidade, uma vez que a Lei Complementar 64/1994 estabelece que “vice-presidente, vice-governador e vice-prefeito poderão candidatar-se a outros cargos, preservando seus mandatos respectivos, desde que nos últimos seis meses anteriores ao pleito, não tenham sucedido ou substituído o titular”.

Para o cargo de secretário de Infraestrutura assume, interinamente, o atual subsecretário Orlando Holanda. Para o lugar de Pauderney na Semed assume, em definitivo, o atual secretário de Governo, Humberto Michiles. Já para o cargo de secretário particular da Prefeitura assume, interinamente, o major Marcos Encarnação, que já é subchefe da Casa Militar e acumula os dois cargos.

O cargo de secretário de Governo, deixado por Michiles, passa a ser exercido pelo atual secretário de Comunicação, Márcio Noronha. Já na Semcom, assume a atual subsecretária, Mônica Santaella.

publicidade

“Eu pedi aos secretários que pretendem disputar as eleições que entregassem seus cargos até segunda-feira (16) porque precisamos da equipe totalmente focada nas obras essenciais à cidade”, afirmou o prefeito.

‘Imaturo’

Antes de oficializar a mudança no secretariado, o prefeito de Manaus Artur Neto (PSDB) declarou na manhã desta quinta-feira (12), em entrevista à Rádio Tiradentes, que via como imaturidade a desistência de Hissa Abrahão do cargo na Seminf para disputar o Governo do Amazonas em 2014. O tucano negou apoio a Hissa nas disputas do ano que vem.

“Ele se elegeu para ficar comigo até o final. O acordo foi com o eleitor. Se ele acha que está maduro, ele sai. Agora não conte com meu apoio nem do meu partido. E eu levo Manaus a sério. Essa candidatura não é natural, é imaturidade dele”, declarou o prefeito durante a entrevista.

No início do mês de dezembro, Hissa concedeu entrevista ao Jornal A CRÍTICA e disse, na época, que o seu futuro político seria decidido pelo povo e não por questões partidárias. No último sábado (8), entretanto, o presidente nacional do PPS, deputado federal Roberto Freire, convocou Abrahão a ser candidato do PPS na disputa pelo Governo do Amazonas em 2014.

*Com informações da Secretaria Municipal de Comunicação

publicidade
publicidade
Alunos de escola municipal no bairro São Francisco ainda não iniciaram ano letivo
Setrab oferta 30 vagas de emprego nesta quarta-feira (24)
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.