Publicidade
Manaus
Manaus

Homem confessa que matou mulher a socos e chutes por causa de dívida de R$ 60

"Pia" cometeu o crime com ajuda de outro homem, o "DDD", que está foragido. A dupla rendeu a vítima e, após discussão, a agrediram até a morte 29/05/2015 às 11:12
Show 1
Em depoimento, ele confessou que deu socos e chutes na vítima por causa de uma dívida de R$ 60
Fábio Oliveira e Kamyla Gomes Manaus

Alessandro Pereira da Silva, o "Pia", 26, suspeito de matar a socos e chutes Francisca Lorena da Silva Sobreira, 18, em maio de 2014, foi preso e apresentado hoje pela manhã na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Em depoimento, ele confessou que deu socos e chutes na vítima por causa de uma dívida de R$ 60. Segundo o delegado Ivo Martins, "Pia" teve ajuda de Elias da Silva Mendonça, o "DDD", que está foragido.

De acordo com Sancha Sodré, delegada adjunta da DEHS, a dupla rendeu a vítima na avenida Mulateiro, no Monte das Oliveiras, Zona Norte, e, após discussão, espancaram e estrangularam a mesma até a morte. "Pia" é  apontado como um traficante de drogas.


Momento da prisão de "Pia". Divulgação/Polícia Civil

Um amigo de "Pia", que não teve o nome revelado, presenciou o homicídio e informou que a jovem foi jogada no chão e teve o pescoço pisoteado, além de ser esganada em seguida. Moradores disseram que no dia do crime o suspeito estava aparentemente embriagado.

"Pia" foi preso por policiais civis da DEHS na tarde de quinta, na rua 1 do bairro Monte das Oliveiras, após três semanas de investigação. Ele responderá por homicídio qualificado e foi encaminhado à cadeia pública de Manaus.

Publicidade
Publicidade