Domingo, 25 de Agosto de 2019
POLÍCIA

Homem é preso após esfaquear vizinho em roubo de celular no Cidade de Deus

Rapaz confessou o crime. Ele queria roubar o amigo após ficar sabendo que ele iria vender uma motocicleta, mas o negócio não havia acontecido



WhatsApp_Image_2019-07-05_at_11.31.51_26B16E61-9143-427E-BBDB-D7D82EC60584.jpeg Foto: Jair Araújo
05/07/2019 às 17:10

Wagner Barros Oliveira, 20, foi capturado na última terça-feira (2) por policiais civis em cumprimento de mandado de prisão preventiva por latrocínio tentado. O infrator é suspeito de ter levado uma quantia em dinheiro e também golpeado com facada o próprio vizinho, um homem de 27 anos, no dia 14 de março deste ano, no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus.

O caso estava sendo investigado pela 13º Distrito Integrado de Polícia (DIP), que com o reforço de policiais civis lotados no município de Itacoatiara, onde o suspeito estava escondido, conseguiram identificar e efetuar a prisão dele, no bairro Mamud Amed. Wagner foi apresentado nesta sexta-feira (5) em coletiva de imprensa na sede da unidade policial.

De acordo com o titular da unidade policial, delegado Ricardo Cunha, os dois eram amigos. No dia do crime, Wagner ouviu que a vítima venderia uma motocicleta e receberia do comprador uma boa quantia pela venda. De posse da informação, o suspeito foi até a casa da vítima e executou o que foi premeditado.

“A vítima e autor são conhecidos, eram amigos na época dos fatos. Ele (Wagner) ouviu a vítima relatar para outro companheiro deles que havia vendido uma motocicleta no dia do crime e iria pegar esse dinheiro na casa do comprador. No decorrer do dia, o Wagner ficou com essa informação batendo na cabeça dele, foi o momento que ele arquitetou o crime. Ele confessou para a gente que ficou com muita vontade de assaltar o colega dele”, afirmou.

Na ocasião, por volta das 3h, o infrator encapuzado com uma faca, entrou na casa do vizinho para roubar a quantia em dinheiro referente à venda da moto. A vítima travou uma luta corporal com o infrator, que, em seguida, desferiu golpes de faca que atingiram o pulmão do rapaz.

“Ao anunciar o assalto, se passando por um desconhecido, ele pediu o celular da vítima. A vítima deu o seu celular até que o Wagner afirmou ‘cadê o dinheiro da motocicleta?’. A vítima achou estranho ele saber dessa informação e o grande problema era que o negócio não havia sido concluído. Ele não estava de posse de dinheiro algum, com medo de ter a vida ceifada, entrou em luta corporal. Nisso o capuz saiu do rosto do Wagner, e a vítima logo reconheceu que se tratava do vizinho”, disse o delegado Ricardo Cunha.

Diante dos fatos, a delegacia representou à Justiça pelo pedido de prisão preventiva expedida no dia 10 de abril pela Juíza Anagali Marcon Bertazzo, da 6º Vara Criminal. Porém, o infrator estava desaparecido. Após diligências, foi constatado que o homem estava no município de Itacoatiara, onde com o auxílio de policiais civis chegaram até o autor.

Wagner foi indiciado por latrocínio tentado. Ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde permanecerá à disposição da Justiça.

Receba Novidades

* campo obrigatório
News karol 5249a044 89f6 4d99 98db 77f68d4ef8e4
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.