Publicidade
Manaus
Manaus

Homem morre após perder controle de veículo e colidir com árvore na Zona Centro-Sul

Brucelle Câmara, 33, dirigia um carro de cor branca e placas NOT-0027 por volta das 8h, sob intensa chuva e em alta velocidade, quando bateu 06/02/2016 às 11:44
Show 1
Outras quatro pessoas estavam no carro, mas sobreviveram
Kelly Melo Manaus (AM)

Um homem perdeu o controle do veículo que conduzia pela avenida Castelo Branco, bairro Cachoeirinha, Zona Centro-Sul de Manaus, e acabou colidindo-o com uma árvore na manhã deste sábado (6). Ele morreu na hora.

Brucelle Câmara, 33, dirigia um carro de cor branca e placas NOT-0027 por volta das 8h, sob intensa chuva e em alta velocidade, quando acabou perdendo a direção, atingindo uma mangueira no canteiro central da via com o lado esquerdo do veículo.

Além dele, Paulo Sérgio Matos Pereira, 46, Cilene de Andrade Braga, 37, Daniel Alberto Neves, 24 e Hevelin Cássia Nunie Ferreira, 19 também estavam no carro.

Eles eram funcionários da empresa de vigilância Global Service e estavam indo para o trabalho quando o acidente aconteceu. Dois deles tiveram ferimentos graves na face e os demais sofreram apenas escoriações.

O impacto foi tão forte que o carro continuou deslizando por mais uns 100 metros, até parar em frente à loja Casa dos Capacetes. Ricardo Frota, que trabalha em uma loja de venda de veículos que fica perto do local do acidente, viu todo o ocorrido e socorreu as vítimas com a ajuda de seus colegas de trabalho.

Segundo Ricardo, os sobreviventes relataram a ele que Brucelle estava levando-os para a base que a Global Service mantém no Distrito Industrial, mas que ele estava bastante alterado por conta de uma briga.

Eles disseram que, pouco antes do ocorrido, ele discutiu com uma funcionária da empresa que queria que ele dirigisse o veículo, enquanto ele, alegando não ter domínio de direção o suficiente, não queria.

Brucelle não estava com o cinto de segurança na hora em que o carro colidiu com o árvore e a principal suspeita seja de que ele tenha batido fortemente a cabeça e não sobrevivido ao impacto.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para remover o corpo de Bruce das ferragens. De tão amassada, eles tiveram que serrar a porta do motorista para tirá-lo de lá.

Os quatro sobreviventes foram levados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) a hospitais da rede pública e o corpo de Brucelle já foi encaminhado à sede do Instituto Médico Legal (IML), onde passará por exames necrológicos.

Publicidade
Publicidade