Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
LISTA

Homem que matou cabeleireiro no Vieiralves é um dos presos mortos em massacre

Cabeleireiro Felipe Oliveira foi morto dentro de um salão em agosto de 2017. Lista de detentos assassinados tem latrocida, integrante da FDN e pessoas envolvidas com o tráfico no Amazonas



felipe-oliveira_45975937-1706-4BF6-9AC6-03BB749AD3DD.jpg
27/05/2019 às 22:27

Um dos mandantes do assassinato do cabeleireiro João Felipe Oliveira Martins, 23, morto em Manaus em agosto de 2017, está na lista de 40 presos que foram mortos dentro de presídios do Amazonas nesta segunda-feira (27).

Diego Sabino de Araújo, apelidado de “Coqueirinho” e “Olhão”, estava preso no Centro de Detenção Provisória Masculino 1 (CDPM 1) e foi um dos cinco internos mortos dentro da unidade nesta segunda-feira. No dia do assassinato de João Felipe, Diego foi quem efetuou os quatro disparos que mataram o cabeleireiro em um salão de luxo no Vieiralves, Zona Centro-Sul da capital. Segundo o Ministério Público do Amazonas, a morte de João Felipe foi encomendada de dentro da cadeia pelo detento José Matheus da Costa Vieira. A vítima era testemunha de um crime de homicídio praticado pelo criminoso.



Entre os 40 presos mortos estão um latrocida, assassinos, além de pessoas envolvidas com o tráfico de drogas no Amazonas e um membro da facção criminosa Família do Norte (FDN). A reportagem encontrou informações sobre 15 dos presos mortos em uma busca pelo Portal A Crítica.

Leonardo Marinho Araújo

Foi preso com mais três pessoas por estar envolvido no latrocínio que vitimou o empresário José Ronan de Paiva, 58. O crime ocorreu no dia 19 de abril de 2017, no bairro Nova Esperança, Zona Oeste da cidade.

Rafael da Silva Ferreira

Um dos presos por receptação durante a operação Rio Amazonas 3, da Polícia Civil, em dezembro de 2017.

Jonathan de Oliveira Procópio

Em maio de 2018, foi preso suspeito de cometer uma série de assassinatos no bairro Cidade de Deus e adjacências, na Zona Norte de Manaus, desde agosto de 2017, por cota do tráfico de drogas.

Alisson Fontoura da Silva

Foi preso em abril de 2015, em flagrante, enquanto praticava assalto com um comparsa na rua Barreirinha, no bairro da União, Zona Centro-Sul. Eles foram abordados após trocas de tiros com policiais militares da 23ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Bruno de Oliveira Araújo

Uma das cinco pessoas que foram presas com 103 trouxinhas de cocaína, 15 trouxinhas de maconha e mais uma porção média da mesma droga, além de um veículo roubado modelo Fiesta de cor prata, placas JXK-0277, e uma motocicleta modelo XRE vermelha, placa NPB-6514, que também havia sido furtada, em dezembro de 2017, em uma casa na rua das Palmeiras, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste.

Sérgio Augusto da Silva Batista

Preso em dezembro de 2017 por tráfico de drogas no ramal do Brasileirinho, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste.

Guilherme Ferreira Coelho

Um dos 15 presos da operação Heptacloro, da Polícia Civil, em Presidente Figueiredo, em junho de 2015. Com Guilherme, foram apreendidas cinco porções grandes de maconha, 24 trouxinhas com aspecto de pasta base de cocaína e R$ 25 em espécie.

Ivanilson Calheiro Amorim

Não há informações sobre a prisão de Ivanilson, mas encontramos registros que, em janeiro de 2017, a companheira dele tentou entrar com drogas para visitá-lo no Compaj.

Luiz Mário Martins Figueira

Em Parintins, comandava o tráfico de drogas nos bairros do Itaúna I e II, São Francisco e Centro. Foi preso na operação Mercúrio 2, em 2014.

Marcos Railson da Encarnação Coutinho

Preso após assaltar veículo e fazer uma dona de casa refém, em Manaus, em setembro de 2016.

Elder Araújo Costa

Em janeiro de 2015, foi preso com dois carros roubados e clonados, além de um revólver com cinco munições. Ele fazia parte de uma quadrilha.

Thiago Paiva Amâncio

Ele já esteve preso em unidade federal e costumava praticar furtos na área central da capital amazonense.

Luan de Lima Soares

Participou da fuga em massa de 72 presos do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), em janeiro de 2017, sendo recapturado logo em seguida.

Robson Rodrigues de Lima

Conhecido como “Urso”, foi preso em setembro de 2016 com 3,5 quilos de cocaína, avaliados em R$ 45 mil. Era integrante da facção criminosa Família do Norte (FDN).

 

 

News ac1 be374f19 869d 4b7c b3a2 28dbddae942a
Jornalista de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.