Sábado, 21 de Setembro de 2019
Manaus

Homem traficava drogas para bancar ‘gravação de CD’

Francisco Gomes Queiroz, 59 anos, conhecido como o “Poeta” disse que é compositor e que estava traficando drogas para conseguir juntar dinheiro para gravar seu próprio CD



1.jpg 'Artista' dizia que vendia drogas para patrocinar sua arte
04/12/2013 às 21:38

Investigadores da Equipe Átila 2 da Delegacia Especializada em Repressão e Prevenção a Entorpecentes (Depre) prenderam, na tarde desta quarta-feira (4), Francisco Gomes Queiroz, 59, o “Poeta”. Com ele os investigadores encontraram 20 trouxinhas de pasta base de cocaína, três celulares e material para embalo da droga.

Na delegacia, o “poeta”, que informou que também é compositor e que estava traficando drogas para conseguir guardar dinheiro e gravar um CD. “Sou poeta e compositor, já fiz muitas músicas com artistas conhecidos aqui do Amazonas e estou me preparando para gravar meu primeiro CD. Infelizmente não deu tempo, a polícia me pegou, mas agora terei tempo de escrever outras canções”, concluiu.

Segundo informações da polícia, a prisão foi realizada por volta das 16h de terça-feira na rua Pico das águas, Nossa Senhora das Graças, Zona Centro-Sul.

“Recebemos algumas denúncias de tráfico no local e fomos averiguar. Quando fizemos a abordagem, encontramos algumas trouxinhas no bolso dele, que nos levou a até a residência, onde encontramos o restante escondido no colchão”, disse um investigador.



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.