Domingo, 22 de Setembro de 2019
HEMOTERAPIA

Hospital do Sangue deve ser inaugurado em 2020, diz governador do AM

A obra, que foi iniciada em junho de 2014, ficou completamente parada por dois anos por um imbróglio envolvendo a quebra de contrato



hospital_64EF0BCF-DF88-4F05-953B-36D4D8E290B2.JPG Foto: Diego Peres / Secom
20/08/2019 às 14:30

A perspectiva é que o Hospital do Sangue seja entregue à população amazonense em junho de 2020. O anúncio foi feito pelo governador do Amazonas Wilson Lima na manhã desta terça-feira (20), quando visitou a obra do novo hospital, na Avenida Pedro Teixeira, Zona Centro-Oeste de Manaus. Retomada em janeiro deste ano, a construção já se encontra 50% concluída.

A retomada dos trabalhos só foi possível graças ao repasse de uma parcela estadual, que estava atrasada. A obra, que foi iniciada em junho de 2014, ficou completamente parada por dois anos por um imbróglio envolvendo a quebra de contrato com a construtora anterior e a falta de repasse do governo estadual.

O governador Wilson Lima se mostrou satisfeito com o avanço das obras do hospital. “A previsão é que o hospital seja entregue já ano que vem para aumentar ainda mais a capacidade de assistência hematológica com 156 leitos, com uma estrutura moderna, para alcançar pacientes da capital e do interior”, destacou.

A construtora Mercure foi a vencedora da licitação em dezembro do ano passado e no mesmo mês assumiu o canteiro de obras. O valor total do investimento na construção do Hospital do Sangue é de R$ 39.821.126,44, somando os recursos de uma emenda federal já liberada junto à Caixa Econômica Federal e contrapartida do Governo do Estado.

Segundo a diretora da Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Estado do Amazonas (Hemoam), Socorro Sampaio, a nova estrutura terá quatro andares e comportará UTIs adulto e infantil, farmácia 24 horas, centro cirúrgico de média complexidade, central de diagnóstico por imagem e uma enfermaria exclusiva para o paciente transplantado de medula óssea.

“Com esse novo hospital vamos ampliar o atendimento para todas as crianças com câncer que realizam atendimento na FCecon [Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas]. Centralizando o atendimento e o número de profissionais, com certeza, vai melhorar as chances de sobrevida dos pacientes e diminuir o número de transferência desses pacientes para outros estados. Todo atendimento (urgências e emergências) será feito no Hospital do Sangue tanto para adultos quanto para as crianças. Também vamos implantar o transplante de medula óssea”, projetou ela, adiantando que há a previsão de ampliação do quadro de profissionais e qualificação da equipe atual para lidar com os novos serviços que serão oferecidas.

O Hospital do Sangue está sendo construído atrás do Hemoam, no terreno que pertencia ao Hospital Psiquiátrico Eduardo Ribeiro. Parte dos equipamentos já foi comprada e estão sendo entregues.

Vale ressaltar que as instalações atuais do Hemoam continuarão funcionando com o setor administrativo, coleta e distribuição de sangue, laboratórios de análises clínicas e o departamento de ensino e pesquisa.

News guilherme 1674 2977771b 6b49 41af 859a ef3c3b62eae8
Repórter do caderno de Cidades - Jornal A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.