Publicidade
Manaus
Manaus

Identificada como traficante pela irmã, mulher não resiste a quatro tiros e morre no hospital

Xeila Rocha da Silva foi internada na última sexta-feira (11) quando, segunda a irmã da vítima, ela caiu numa emboscada de um traficante rival, na rua Laço de Amor, na Zona Leste de Manaus 14/09/2015 às 08:37
Show 1
Xeila chegou a ser internada logo após o tiroteio, na noite de sexta (11), mas faleceu dias depois
Fabio Oliveira Manaus (AM)

Xeila Rocha da Silva, de 33 anos, faleceu na madrugada deste domingo (13) no Hospital Pronto-socorro 28 de Agosto, onde estava internada desde que foi baleada com quatro tiros na noite de sexta-feira (11).

O crime ocorreu na rua Laço do Amor, localizada no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus, conforme consta registro do Instituto Médico Legal (IML). A suspeita é de execução pois, segundo afirmou a irmã da vítima, Wanda Rocha, de 42 anos, Xeila vendia drogas na área.

Ainda segundo a irmã, Xeila foi assassinada em uma emboscada armada por outro traficante, conhecido apenas como "Mesaque". "Ela estava na moto dela com esse rapaz e depois foi baleada. Em seguida, ele fugiu na moto dela e até agora não apareceu. Alguns dizem que ele fugiu para o Pará", explicou.

O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que ainda não sabe informar motivo nem autoria do crime.

Publicidade
Publicidade