Quinta-feira, 24 de Setembro de 2020
SAÚDE

Igrejas adotam medidas para evitar a transmissão do Covid-19 entre os fiéis

Entre as medidas estão não beijar a mão na benção e assistir culto pela internet em caso de gripe



corona_church_35B58B7B-E3B7-4E01-B4AB-1A2FBC7F6F49.JPG Foto: Eraldo Lopes
08/03/2020 às 10:35

Uma das recomendações para se prevenir das síndromes gripais, em especial o novo coronavírus (Covid-19), é evitar aglomerações de pessoas em ambientes fechados. Na última quarta-feira (4), quando foi comemorado o Dia Mundial da Oração, A Crítica conversou com alguns líderes religiosos de Manaus a fim de saber se os fiéis estão tendo alguma orientação especial de prevenção durante as celebrações, cultos e reuniões.

A entrada do novo coronavírus no Brasil não alterou a rotina de cultos na Bola de Neve Church Manaus, na avenida Leonardo Malcher, Centro, Zona Centro-Sul da capital. Segundo o líder da denominação evangélica, Ulisses Furlan, o que tem sido feito com os cerca de 300 membros da igreja é não só orar pela restauração da saúde daqueles que estão enfermos, mas também reforçar medidas de prevenção contra as doenças respiratórias, em especial o Covid-19.



“Confiamos em Deus, mas nós temos que fazer a nossa parte e nos prevenir”,  garantiu o religioso. “O que eu tenho falado nos cultos são medidas básicas, como usar o álcool em gel com frequência. Também, se algum membro apresentar algum sintoma de gripe, tenho recomendado ficar em casa e assistir ao culto pela Internet, pois estamos em um ambiente fechado e temos muitas crianças em nossas reuniões, e sabemos que elas são as mais vulneráveis”, relatou.

No prédio, há placas com orientações básicas de prevenção contra o coronavírus no mural de recados, no corredor e até mesmo nos banheiros da igreja. Frascos de álcool em gel estão espalhados em lugares estratégicos do prédio, inclusive embaixo do famoso púlpito em forma de prancha de surfe. Mesmo assim, como ressalta o pastor Ulisses, não houve mudanças nos ritos, como dar as mãos para uma oração em grupo, tampouco nos horários e nos dias dos cultos, às quartas-feiras e domingos.

“Não vemos problema algum em continuar orando de mãos dadas porque é um momento de comunhão com Deus. Na terça-feira da semana passada (dia 25 de fevereiro) fizemos um momento de 12 horas de oração, em que clamamos para que encontrem a cura para esse novo vírus e oramos por aquelas pessoas que estão doentes”, contou o pastor.

Já entre a comunidade católica do Amazonas, alguns hábitos preventivos devem ser adotados pelos fiéis durante as missas e novenas, conforme recomendação do arcebispo da Arquidiocese de Manaus, Dom Leonardo Ulrich Steiner. “Por enquanto, devemos deixar de lado a linda tradição de beijar a mão uns dos outros para pedir a bênção, porque o vírus pode ser transmitido por meio da saliva”, orientou.

Por sua vez, outros elementos dos cultos, como rezar o Pai Nosso de mãos dadas, não é problema, segundo Steiner. “O problema surge quando alguém tocou em algum lugar onde outra pessoa [doente] tossiu ou espirrou, porém, isso pode ser resolvido facilmente com a higienização constante das mãos”, disse, completando que, por ora, as reuniões nas paróquias não sofrerão nenhum tipo de alteração.

Na comunidade muçulmana de Manaus, apesar das reuniões não serem tão numerosas, todas as medidas de prevenção têm sido tomadas, explicou o professor Tamer Mohamad, membro da diretoria do Centro Islâmico do Amazonas (CIA).

“A comunidade islâmica é minoria na sociedade amazonense e dentro do Centro temos poucas pessoas frequentando as reuniões regularmente. Mesmo assim, seguimos as orientações básicas de prevenção e estamos sempre abertos para contribuir no que for necessário para evitar esse mal. Que Deus nos proteja”, disse Mohamad.

News guilherme 1674 2977771b 6b49 41af 859a ef3c3b62eae8
Repórter do caderno Cidades do jornal A Crítica. Jornalista por formação acadêmica. Já foi revisor de texto de A Crítica por quatro anos e atuou como repórter em diversas assessorias de imprensa e publicações independentes. Também é licenciado em Letras (Língua e Literatura Portuguesa) pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.