Publicidade
Manaus
Manaus

Indicação de Davi Reis para o comando do Fumpeq provoca crise no PSDC

Presidente da sigla ameaça entrar com ação na Justiça porque indicação de David Reis não foi tratada com a direção da legenda 29/10/2013 às 08:19
Show 1
Vereador David Reis disse que só vai comentar, nesta terça-feira (29) , as declarações do presidente da legenda
kleiton renzo ---

O anúncio feito pelo prefeito Artur Neto (PSDB), na sexta-feira (25), de nomear o vereador David Reis (PSDC) para o comando do Fundo de Amparo à Pequena e Micro Empresa (Fumpeq) foi tachado pelo presidente estadual da PSDC, Cícero Alencar, como uma “trapaça”, um “acerto” e uma “conduta duvidosa”. Cícero afirmou que pedirá ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) o mandato de David Reis porque a indicação dele para o fundo não foi negociada com a direção do partido.

Uma reunião extraordinária do PSDC foi convocada para esta terça-feira (29) a fim de discutir a possível nomeação do vereador para o primeiro escalão da gestão Artur Neto. Além da costura de Reis para assumir o Fumpeq, o presidente do PSDC enumera, em nota emitida para a imprensa, que o parlamentar desde janeiro está inadimplente com taxas partidárias; não participa de reuniões da sigla e também deixou “de dar ao partido uma vaga em seu gabinete”.

“Nosso estatuto é claro em dizer que os membros filiados devem contribuir com 5% a 10% do salário com o partido, além de destinar um cargo em seu gabinete para um dos membros do partido. E agora soubemos por terceiros que o prefeito convidou o vereador. O prefeito deveria ter feito o convite ao presidente do partido. Existe uma vaga para o PSDC e não simplesmente nomear o vereador”, afirmou, ontem, por telefone, o presidente do PSDC Jovem, Marcelo Generoso, responsável pela distribuição da nota de repúdio.

Generoso disse que o partido manterá a decisão de requerer o mandato de David Reis se ele assumir o Fumpeq, mas caso o vereador siga para outra legenda, o PSDC “não irá fazer nenhuma guerra”. “Se ele fizer a carta de desfiliação e seguir para a pasta da prefeitura, o PSDC vai perder essa vaga na Câmara Municipal mas não irá pedir o mandato. Mas se ele mantiver a decisão de permanecer no partido, nós vamos pedir a vaga. O mandato não é do vereador, é do partido”, disse Generoso.

Nos bastidores da Câmara, o comentário ontem era de que o vereador David Reis estava em conversa para ingressar no Pros, partido do vice-governador José Melo, e que hoje é a maior bancada da Câmara com seis vereadores.

Procurado pela reportagem, David Reis disse que somente hoje comentará as declarações do presidente do PSDC e a possível ida dele para o Pros. “Só quero alertá-los que não falarei nada sobre o partido hoje. Amanhã, depois da conversa com eles, eu comento sobre o assunto”, disse Reis.

“Somos uma família, uma força que cresce dia a dia, e não iremos tolerar nenhum tipo de trapaça, acerto e conduta duvidosa que ponha em cheque a credibilidade do nosso partido construída a duras penas”, disse Cícero em nota. O presidente do PSDC não atendeu às ligações para o número 9129-xx10.

Fundo terá orçamento próprio

O Fundo de Amparo à Pequena e Micro Empresa (Fumpeq) já existe na estrutura da Prefeitura de Manaus. A diferença é que, na atual gestão, o fundo terá autonomia financeira. Na administração do prefeito Amazonino Mendes (PDT), de 2009 a 2012, o Fumpeq foi chamado de Banco da Gente e servia para financiar pequenos e médios empreendimentos populares com financiamentos a juros baixos.

Desde quarta-feira (23), está em andamento na Câmara Municipal de Manaus (CMM) a mensagem do prefeito Artur Neto (PSDB) que vinculará o Fumpeq à construção dos Centros de Comércio Popular (CCPs) previstos pela Lei 1.755/ 2013.

O prefeito Artur Neto disse, na sexta-feira, que o vereador David Reis (PSDC) trabalhará em conjunto com o secretário de Governo (Segov), Humberto Michilles. Desde o início do ano, o Fumpeq havia sido incorporado pela Segov.

Serão beneficiados com o financiamento as cooperativas, comerciantes e prestadores de serviços informais ou microempreendedores individuais que atuem como comerciantes ou prestadores de serviço ambulante.

Publicidade
Publicidade