Sexta-feira, 22 de Novembro de 2019
Manaus

Jeam "Cro Cop" Silva rumo à cidade maravilhosa

De olho no promissor mercado do MMA, jovem promessa amazonense vai se juntar à filial brasileira da equipe American Top Team



1.jpg A alcunha “Cro Crop” surgiu após nocautear com um chute alto na cabeça o que lembrou o estilo do famoso lutador Mirko "Cro Cop" Filipovic.
05/03/2013 às 22:08

Que Manaus é um celeiro de talentos do MMA não há como discutir. Além dos grandes nomes que saíram dos tatames barés como José Aldo, Adriano Martins, Ronaldo Jacaré e Diego Brandão, jovens promessas como Alexandre Capitão trocaram seus primeiros socos nas academias da capital amazonense. Assim, é com grande expectativa que vemos mais um atleta com potencial de brilhar nos ringues nacionais e internacionais ganhar espaço para treinar em um dos grandes times da atualidade, esse é o caso de Jeam “Cro Cop” Silva, que embarca hoje para treinar na filial carioca da American Top Team.

Jeam tem um cartel de seis lutas, quatro vitórias e duas derrotas, e treina quatro esportes: jiu-jitsu em que é faixa-preta 2° dan, boxe, luta olímpica e MMA. Tendo começado a treinar jiu-jitsu aos 11 anos, Jeam atribui ao esporte o fato de não ter se desencaminhado na vida. “Eu era muito peralta, me envolvi com pessoas erradas e só depois que comecei a treinar que consegui colocar a cabeça no lugar. Agradeço muito aos professores Ulisses Paixão, Junior Cardoso e Faustino Neto por me darem as primeiras oportunidades para treinar” , revela Jeam.



Viagem

O atleta, que conta com uma história de vida de superação, foi convidado para treinar na equipe quase por acaso. “Conheci o Reyzinho Duarte pelo Facebook e começamos a conversar sobre minha carreira, as conquistas que eu já tinha e ele me convidou pra passar uma temporada treinando lá”, relata ele.

Para a empreitada, Jeam tem buscado apoio na iniciativa privada e com admiradores do esporte. “Sempre pude contar com o apoio da família Simonetti ao longo da minha carreira e agora tenho o apoio do professor Samuel nessa ida ao Rio de Janeiro”, relata o atleta. Uma das equipes de ponta do MMA hoje, a ATT tem lutadores do porte do peso pena Mike Brown, do leve Jorge “Gamebred” Masvidal, do meio-médio Thiago “Pitbull” Alves, do médio Hector Lombard, do meio-pesado Thiago Silva e dos pesados Mark Hunt e Jeff “Snowman” Monson.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.