Publicidade
Manaus
Manaus

Jovem é preso por falsificar e vender certificados e diplomas na internet por até R$ 2 mil

Rapaz investigado há meses foi preso em casa, onde funcionava a “gráfica”. Lá foram achados carimbos com nomes de gestores de escolas e universidades 04/02/2016 às 15:10
Show 1
Mayron Araújo foi preso hoje (4)
ACRITICA.COM Manaus (AM)

A Secretaria-executiva-adjunta de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) prendeu na manhã desta quinta-feira (4) Mayron Cleiber de Araújo Assunção, 24, por falsificação de documento público.

Ele foi conduzido para o 11º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para o procedimento de flagrante. O jovem vinha sendo investigado há alguns meses após anunciar na internet a venda de certificados falsos de universidades públicas e privadas e de escolas de ensino médio da capital.

Mayron foi preso na sua casa, onde também funcionava uma gráfica, no bairro Betânia, Zona Sul de Manaus. Dentre os certificados há inclusive de cursos de direito e engenharia.

De acordo com a secretária-executiva-adjunta de Inteligência, Tâmera Maciel, no local foram encontrados dezenas de carimbos com os nomes dos gestores das universidades e de escolas públicas. A suspeita, de acordo com Tâmera, é de que ele tenha copiado as assinaturas de certificados originais.

Mayron Cleiber cobrava cerca de R$ 2 mil para certificados falsos de nível superior e R$ 600 de Ensino Médio. “Estamos investigando o envolvimento de outras pessoas e vamos identificar todos que também adquiriram esse certificado falso, que também podem responder pelo uso de documento falso”, disse.

O crime de falsificação de documento é previsto no Artigo 297 do Código Penal Brasileiro e prevê pena de dois a seis anos e multa para quem “Falsificar, no todo ou em parte, documento público, ou alterar documento público verdadeiro”.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade