Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
Manaus

Jovens empreendedores compartilham experiências

O evento reuniu 200 pessoas de todo o Brasil no Auditório Gilberto Mendes, do Sistema Federação das Indústrias (FIEAM), interessadas em discutir novos modelos de negócio



1.jpg Painel com os jovens Luiz Guilherme Manzano, Leonardo Lacerda e o coordenador da Carteira de Projetos de Startups pelo Sebrae
28/06/2013 às 19:26

A desmistificação da necessidade de alto investimento inicial, mas contar com uma boa equipe, é dica de ouro para quem deseja empreender, principalmente em Startups. Assim recomendou a dupla de jovens empreendedores Gabriel Benarrós e Guga Goerenstein, nesta quinta-feira (27), durante a 4ª edição do Líder Norte.

Realizado pela 1ª vez em Manaus, o evento reuniu 200 pessoas de todo o Brasil no Auditório Gilberto Mendes, do Sistema Federação das Indústrias (FIEAM), interessadas em discutir novos modelos de negócio, voltados principalmente para área de tecnologia e inovação.

“O grande entrave é achar que precisamos de dinheiro para colocar uma ideia em prática. O conceito startup é justamente ter empresa com custos de manutenção muito baixos, mas com grande potencial de lucros”, ensinou Guga, ceo e cofundador do Poup (www.poup.com.br), um site que devolve parte do valor pago em compras online para o comprador.

Gabriel fundou a startup Ingresse (www.ingresse.com.br), página que facilita a compra e venda de ingressos online para qualquer tipo de evento. “Se você tiver uma ideia ruim e uma boa equipe, o negócio tem muita chance de dar certo. Já uma boa ideia com uma equipe ruim não”, pontuou o jovem empreendedor.

A sintonia com o sócio também foi apontada por Gabriel como diferencial. “Deve-se ter muita afinidade de pensamento e divergência nas ideias”, filosofou o palestrante.

A escolha adequada do parceiro ou sócio também deve ser bem pensada. ”Você tem que achar uma pessoa que saiba o que você quer, mas que tenha ideias e conhecimentos complementares aos seus. Assim as chances de crescer e solucionar problemas são bem maiores”, sugere Benarrós.

Para Guga achar pessoas dispostas a arriscar novo negócio sem a certeza se irão realmente dar certo é muito difícil.  “Nós vivemos num constante garimpo de achar gente boa e que quer empreender, as pessoas preferem a estabilidade”, disse.

Guga falou ainda que um dos erros do empreendedor é não querer falar sobre seu negócio. “Se você não quer falar por medo de copiarem sua ideia, já nem vale a pena investir. Quanto mais você fala mais tem chance de adquirir ideias e conhecer pessoas para ajudar”, disse.

Ao falar sobre as dificuldades, ambos concordaram que a vontade de desistir é recorrente, mas o apoio da família e da equipe é fundamental. “Ser empreendedor é andar numa montanha russa. Quanto mais cedo você descobrir isso melhor. Tem dias que você está lá em cima e tem dias que você despenca. Nos dias em que você estiver lá em cima, aproveite e tome fôlego para a descida”, falou.

O painel foi mediado pelo jornalista, profissional de marketing, consultor e empresário Marcelo Pimenta, que também mediou o painel “Como as entidades enxergam e apoiam as startups?” com Luiz Guilherme Manzano (Endeavor), Leonardo Lacerda  (Anjos do Brasil) e o  coordenador da Carteira de Projetos de Startups pelo Sebrae Nacional, Marcio Brito.

A programação seguiu com o jovem Antônio Anastácio Cavalcante Neto, criador da página Parceira.com, que explicou o que são e como funcionam as Startups, finalizando com o jornalista,Marcelo Pimenta, que falou sobre Canvas e Designer Thinking – Modelando o negócio e gerindo problemas, com posterior atendimento aos empreendedores, por meio da ferramenta apresentada.

O evento contou com a presença do presidente em exercício do Sistema FIEAM, Athaydes Mariano Félix, prefeito Arthur Neto, deputado Estadual, Adjuto Afonso,o presidente da Associação Comercial do Amazonas (ACA), o diretor-superintendente do Sebrae no Amazonas, Nelson Rocha, presidente da Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje), Rodrigo Paolilo e a presidente do Conselho de Jovens Empreendedores do Amazonas (CJE/ACA), Ananda Carvalho.

“É uma satisfação para o Sistema FIEAM receber pela 1ª vez em Manaus, o encontro regional do líder norte, que reuniu cerca de 80 jovens empresários de vários estados brasileiros interessados em inovação na criação e gestão de empresas”. O Sistema FIEAM tem diversos cursos de qualificação e programas voltados ao desenvolvimento de competências e da própria empresa. Estamos à disposição dessa juventude empreendedora, disse Athaydes Mariano Félix.

*Com informações da Diretoria de Comunicação e Marketing do Sistema Fieam

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.