Publicidade
Manaus
DIREITO

Juiz amazonense da Lava Jato faz palestra e reúne estudantes e advogados do AM

Juiz federal foi um dos palestrantes da 2ª Conferência Estadual da Advocacia do Amazonas nesta sexta-feira (6) 06/10/2017 às 23:49 - Atualizado em 06/10/2017 às 23:49
Show juiz
Foto: Antônio Lima
acritica.com Manaus (AM)

O juiz federal amazonense Vallisney Oliveira, titular da 10ª Vara Federal do DF que foi responsável pela apreensão dos quase R$ 52 milhões no apartamento do ex-ministro Geddel Vieira (PMDB), foi um dos palestrantes da 2ª Conferência Estadual da Advocacia do Amazonas. O evento aconteceu nesta sexta-feira (6) no Manaus Plaza Centro de Convenções, na Zona Centro-Sul de Manaus, e reuniu estudantes, advogados e magistrados.

O magistrado palestrou sobre “O Advogado no Interrogatório e o Direito à Ampla Defesa do Réu”. Além dele, outros palestrantes como o advogado Délio Lins e Silva e a ex-secretária Graça Prola explanaram sobre novos rumos do Direito Previdenciário, Direitos Humanos e outros assuntos.

Ele não quis responder as perguntas da imprensa no local, especificamente sobre o mandado de prisão preventiva relativo ao ex-ministro Geddel Vieira. “Minha postura é não dar entrevistas sobre o assunto”, disse ele.

Sobre o evento, ele afirma se sentir honrado pelo convite feito pela Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM). “Estou muito feliz de estar aqui. A OAB é um órgão de grande importância pra sociedade e para o direito da liberdade, portanto, está de parabéns”.

Magistrado

Amazonense, Vallisney Oliveira é bacharel em Direito pela Universidade Federal do Amazonas, com Mestrado e Doutorado em Direito Processual Civil pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). Autor de seis livros, ele é ex-promotor de Justiça e ex-procurador da República.

Publicidade
Publicidade