Publicidade
Manaus
Manaus

Lei que calcula preço de estacionamentos entra em vigor na segunda (9)

A medida assegura aos usuários de estacionamentos privados a cobrança do valor de acordo com a fração de hora utilizada 03/09/2013 às 20:37
Show 1
Reunião ocorreu nesta terça-feira (3) entre o prefeito de Manaus, Artur Neto, e empresários de estabelecimentos comerciais
OSWALDO NETO E STEFFANIE SCHMIDT Manaus (AM)

Em coletiva realizada na tarde desta terça-feira (03) no Palácio Rio Branco, no Centro de Manaus, empresários de estabelecimentos comerciais e o prefeito Artur Neto se reuniram para anunciar que a partir da próxima segunda-feira (9) a lei nº 1752/2013, criada pelo vereador Wilker Barreto (PHS), entrará em vigor. A medida assegura aos usuários de estacionamentos privados a cobrança do valor de acordo com a fração de hora utilizada.

Segundo o prefeito Artur Neto, o cliente vai continuar sem pagar pelos primeiros 30 minutos e a cobrança será feita a cada 15 minutos. No sistema antigo, por exemplo, os clientes começavam a pagar, em média, R$ 5 após 30 minutos dentro do estabelecimento (seja um comércio comum ou até mesmo shopping centers) e R$ 2 a cada hora adicional.

Os empresários aprovaram a novidade e prometeram cumpri-la. “Pra gente não está sendo ruim, não. Essa é uma forma de atender melhor o cliente, a cobrança é justa e a nossa reação é positiva. Vamos alinhar o sistema e ajustar a implantação até o dia 9. Essa é uma forma justa. O tempo de 15 minutos é ideal”, disse Diógenes Costa, superintendente do Studio 5 Centro de Convenções.

Centro de Manaus

Além da discussão em torno dos estacionamentos comerciais e shoppings da cidade, o Prefeito ressaltou a importância de se cobrar um preço justo na área central da capital.

“A medida será importante para facilitar o acesso ao Centro. Isso resultará em mais rotatividade e as pessoas se sentirão estimuladas a consumir nessa área. Além disso, obras de requalificação que estão sendo promovidas pela Prefeitura poderão ter mais visibilidade”, afirma.

Publicidade
Publicidade