Publicidade
Manaus
COMPRAS

Lojas do Centro de Manaus fecham mais tarde na antevéspera de Natal

Comércio de fim de ano impõe uma dinâmica diferente na região, com um número ainda maior de pessoas e veículos transitando pelas estreitas ruas e um horário estendido nas lojas e galerias 23/12/2017 às 08:50
Show centro 123
Um movimento incomum para as 22h em comparação ao restante do ano. Foto: Antônio Lima
Danilo Alves Manaus (AM)

Em contagem regressiva para o Natal, o Centro de Manaus estendeu o atendimento no comércio. Desde a última quarta-feira, alguns estabelecimentos estão ficando abertos até as 22h e, hoje, as lojas funcionarão até as 23h. Quem já visitou o Centro nos últimos dias percebeu que as principais ruas da região estão disputadas por clientes em compras.

Apesar do aperto por conta da crise financeira, o funcionário público Rogério Gomes , 42, saiu do serviço e foi até a avenida Eduardo Ribeiro para comprar roupas de presente para as filhas. “O décimo terceiro foi pago na última hora e por isso eu precisei me apressar. Minhas filhas têm quatro e cinco anos. Sou pai e mãe. Estou sozinho comprando roupas femininas nessa confusão, mas com o espírito natalino e a ansiedade de ver o sorriso dessas meninas quando ganharem esses presentes”, contou.

Entre os locais mais movimentados nesse fim de ano, além das lojas de departamento,  estão os comércios menores e até as galerias populares e bancas de assessórios para celular.

A industriaria Daniela Batista, 36, foi ao Centro com a irmã e os dois filhos, de cinco e sete anos, também em busca de roupas para as crianças. “Nos outros dias eu estava trabalhando e  não deu tempo de vir, até porque tenho que trazer os meninos para experimentar. Estamos evitando as lojas mais cheias e acho que vai dar tempo de comprar tudo sim”, disse a mulher.

Passeando pela avenida Sete de Setembro, o estudante Antônio Carlos, de 19 anos, estava a procura de brinquedos e calçados. “Acabei deixando para vir hoje por falta de interesse de vir antes mesmo. Por enquanto ainda estamos pesquisando os preços porque estão um pouco caros”, disse.

Na rua Henrique Martins, Mircélia Jolene, 23, esperava o marido. Ela e a filha “se perderam do esposo e pai” Franciclei Gomes, 45. Na verdade, o industriário foi escondido até uma loja de artigos infantis comprar o presente da filha, a pequena Raissa, de quatro anos.

“Ela acredita que a magia do Natal não está só em Papai Noel ou na parte comercial, mas ela é criança e foi uma ótima menina durante o ano, tem direito de ganhar um agrado, mas é claro que é surpresa”, brincou.  

Horários dos shoppings

Além do Centro de Manaus, com o horário estendido até as 23h, nos shoppings da capital algumas lojas devem funcionar até as 00h da véspera de Natal. Entre os estabelecimentos que vão madrugar no fim de semana está o Manauara Shopping, que fica localizado na Zona Centro-Sul de Manaus. Já em outros shoppings, o funcionamento permanecerá igual a dos anos anteriores, com o atendimento de 10h às 23h, neste sábado.

Gasto médio previsto é de R$270

A Pesquisa de Intenção de Compra e Confiança do Consumidor para o mês de dezembro de 2017 aponta que os consumidores de Manaus pretendem gastar, em média, R$ 270 com as compras de Natal. Os dados foram divulgados pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Amazonas (Fecomércio).

O levantamento também apontou as intenções de compra para os bens de consumo. Destacam-se os setores de calçados (10,0%), vestuário (9,5%), celulares (6,5%), tecidos (4,3%), relojoaria (4,0%), artigos desportivos (3,3%), informática (3,3%), instrumentos musicais, CD’s, jogos (1,8%), e veículos com 1,8%.

 A pesquisa demonstrou que 15,0% dos 400 consumidores entrevistados relataram receber renda familiar mensal de até um salário mínimo (R$ 937,00), sendo que a maioria (61,0%) relatou receber renda entre mais de um a dois salários mínimos (R$ 938,00 a R$ 1.874,00). Observou-se ainda que 24,0% dos entrevistados declararam receber renda mensal entre mais de dois e quatro salários mínimos (R$ 1.875,00 e R$ 3.748,00).

Publicidade
Publicidade