Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019
HONRARIA

Luiz Fux recebe título de Cidadão do Amazonas na Assembleia Legislativa

Ministro do STF votou contra a Zona Franca de Manaus em abril. Parlamentares viram a homenagem como estratégica para ‘conquistar’ uma visão mais sensível de Fux quanto ao modelo econômico amazonense



FUX_143BD5BF-49FA-4AA7-BD87-5123B0ED3A58.JPG Foto: Junio Matos
19/10/2019 às 07:50

Em uma Sessão Especial lotada e com a presença de 21 deputados, o ministro Luiz Fux, vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), recebeu nesta sexta-feira (18), das mãos do presidente da Aleam, Josué Neto, e do governador Wilson Lima (PSC), o diploma e título de Cidadão do Amazonas, outorgado pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam). Fux é o segundo ministro a receber a homenagem no Amazonas em 2019. Ricardo Levandowisk recebeu o título em abril.

Fux foi um dos quatro ministros do STF que votaram contra a Zona Franca de Manaus (ZFM) no caso do direito do Amazonas de gerar crédito de Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) para empresas de outros estados que comprarem produtos ou insumos da ZFM. A medida teve votos favoráveis dos ministros Edson Fachin, Luís Barroso, Rosa Weber, Celso de Melo, Ricardo Lewandowisk e Dias Toffoli. Votaram contra, acompanhando Fux, os ministros Marcos Aurélio, Alexandre de Moraes e Carmem Lúcia.



Propositor da homenagem ao ministro, Josué Neto viu a honraria como estratégica para ‘conquistar’ uma visão diferenciada do ministro em relação ao Amazonas.

“Esse momento é de fazer um trabalho não de remediar, mas de se antecipar ao que pode acontecer pela frente, mas que também ele tenha essas sensibilidade e receba o carinho do povo do Amazonas que eu entendo que isso será muito importante no futuro quando nós precisarmos abrir uma roda de conversa com ele explicando o que a gente espera com a voz ativa dele lá dentro”, disse.

Na saudação ao homenageado, Josué Neto fez um breve resumo biográfico, no qual destacou a qualificação profissional, as qualidades humanas e o legado familiar de justiça, caridade e sensibilidade do ministro Luiz Fux. Também fez um apelo direto ao novo cidadão amazonense por seu engajamento na luta em defesa da Amazônia e da Zona Franca de Manaus (ZFM).

O presidente da Aleam disse que o grande desafio hoje é proteger e preservar a Amazônia, diante das mudanças na economia nacional, que colocam em risco conquistas ambientais alcançadas com o sacrifício dos amazonenes. “É um momento de se buscar os que têm realmente a consciência da importância da Amazônia para o Brasil e para toda a humanidade”, afirmou.

Em agradecimento pela honraria recebida, já na saudação aos presentes, Fux comentou o interesse que a Amazônia desperta no mundo, comparando que na tragédia de Mariana não se viu tanto interesse quanto nas queimadas na floresta. O ministro defendeu um Brasil mais justo e fraterno na distribuição de suas riquezas, porém sem esquecer a importância de manter preservado o meio ambiente.

Luiz Fux relatou que embarcar no avião para Manaus, o comandante falou: – Boa noite, estamos voando para a capital do mundo! A Amazônia é a capital do mundo. E finalizando, disse que “alguns acreditam que a cara do Brasil é a Amazônia. Mas na verdade, a Amazônia é a alma do Brasil”, onde além de abrigar a “floresta das florestas” possui “a terra, mas viva e fértil que o universo conhece”.

O governador Wilson Lima saudou o novo amazonense falando da alegria em receber mais um cidadão que tem comprometimento com o país e com o Estado do Amazonas. Para ele, antes de se falar mundo afora de Amazônia e de preservação da floresta, “é preciso saber o que a gente passa no nosso dia a dia”, metade da população ainda vive sem serviços essenciais como água potável, energia, saneamento e habitação.

Ainda segundo o governador, a honraria é um marco para a preservação do modelo econômico da ZFM.

"O olhar tem que ser voltado primeiro para o ser humano. Tá aí a necessidade de se reconhecer, a tudo o que ele tem feito, a maneira sensata que ele tem olhado para as questões que têm chegado ao 'Supremo'".

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

18 Nov
bradesco_C22DD61C-FE71-4FDD-BB1B-A5B7C048EF01.JPG

TRT11 celebra acordo de R$ 1,1 milhão entre Bradesco e ex-funcionária

18/11/2019 às 11:20

A bancária ingressou com reclamação trabalhista contra o HSBC e o Bradesco em novembro de 2016, pretendendo receber o pagamento de diferenças salariais, horas extras, tempo a disposição da instituição financeira durante as viagens, além indenização pelos danos morais sofridos no ambiente de trabalho


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.