Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
ENCONTRO

Lula e Gleisi Hoffman vêm a Manaus em dezembro para posse de Sinésio Campos

Presente no 7º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores, o deputado pelo AM definiu que as ações do PT para o ano de 2020 serão mais “olho no olho”, com a retomada das Caravanas da Cidadania



lula_e_gleisi_3EB05EE5-C6B7-4A22-A7E1-5388BF33E0BE.JPG Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal
25/11/2019 às 15:19

O deputado estadual Sinésio Campos (PT), reeleito presidente da sigla no Amazonas após a direção nacional do Partido dos Trabalhadores expedir um ofício no qual recomendava a conclusão das eleições internas no Estado, confirmou para dezembro a presença do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva e da deputada federal Gleisi Hoffman, reeleita presidente do PT em pleito realizado no último domingo (24), em Manaus.

As duas lideranças do PT participam na capital da cerimônia de posse de Sinésio à frente da sigla no Estado. Segundo o parlamentar, a data e o local do evento ainda não estão definidos.



No último domingo (24), Sinésio Campos esteve presente no 7º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores, marcado pela participação ativa do ex-presidente Lula. De acordo com Sinésio, para 2020, o PT pretende defender o estado democrático de direito, assim como reforçar as pautas sociais.

“O partido voltará com as caravanas da cidadania. Tanto o Lula, quanto a Gleisi pretendem lutar pela democracia e o legado que o PT deixou de forma positiva, como o Mais Médicos, Bolsa Família e demais programas sociais”, pontuou o parlamentar.

Sinésio e Gleisi durante o  7º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores​. Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

Foco nas eleições

O deputado estadual afirmou que o PT pretende trabalhar para que o movimento “Lula Livre” se intensifique. Segundo o presidente do PT no Amazonas, durante o evento nacional da sigla, ficou perceptível as intenções de anular todo o processo que culminou na condenação do ex-presidente.

“Outra coisa que ficou clara, a campanha do PT, é a campanha Lula Livre. Ele foi posto em liberdade. E é exatamente contra esses processos, que foram conduzidos mais de forma política do que jurídica, se pedirá a anulação. É a luta do partido”, declarou Sinésio.

Após a movimentação da posse dos representantes municipais, estaduais e nacional do Partido dos Trabalhadores, as atividades terão como foco as eleições presidenciais de 2022.  Para o deputado estadual, a reeleição de Hoffman consolida que o partido está nos trilhos.

“O PT está presente em mais de 4 mil municípios brasileiros. Só Aqui no Amazonas, são 62 mais a capital. Gleisi está muito em sintonia na disputa para 2022, eu vejo principalmente a forma leal como que ela conduziu o partido na ausência de Lula. E agora é partir para conduzir para os preparativos para o ano que vem”, analisou Sinésio.

Amazônia e Relações

O modelo Zona Franca, alvo de criticas e redução de incentivos por parte do Ministro da Economia, Paulo Guedes, foi uma pauta levantada pelo parlamentar em conversa com Gleisi Hoffman e Lula durante o encontro nacional do partido.

“Eu fiz também questão de colocar a Amazônia na pauta. Temos aqui o modelo Zona Franca. E defender o modelo Zona Franca é defender a Amazônia. Assim como a continuidade do programa Luz para Todos aqui no Estado”, frisou.  

Um partido “olho no olho”, conforme definiu Sinésio, é a pretensão do PT para o próximo ano. Inclusive, fortalecer as relações com os países vizinhos. “Vamos lutar pelo fortalecimento das relações com a América Latina. Então a realidade hoje dos nossos países vizinhos é preocupante. É o momento da gente está firme e forte para melhorar essas relações. Mas, a ideia agora é ter um partido mais olho no olho do que na Internet”, disse o parlamentar.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.