Sábado, 18 de Setembro de 2021
covardia

Mãe aparece em vídeo agredindo filho que tem paralisia cerebral

Vídeo viralizou nas redes sociais e mostra a violência da mulher com o filho por ele não ficar na posição que ela queria para tirar fotos



agressao.jpg Reportagem foi à casa onde a agressora mora com o filho, mas ela não foi encontrada (Foto: Reprodução)
14/11/2016 às 21:50

Um vídeo em que uma mulher, identificada apenas como “Nicéia” aparece agredindo o filho deficiente viralizou nas redes sociais e vem sensibilizando centenas de internautas em Manaus, desde o último final de semana. A postagem, que caiu na rede no último sábado, mostra a mulher agredindo o rapaz com tapas no rosto por ele não ficar na posição que ela queria. A vítima é maior de idade, mas por ter paralisia cerebral, ele não esboça nenhuma reação após ser agredido pela própria mãe. 

A CRÍTICA apurou que as imagens foram gravadas na última quinta-feira (10), no bairro Nova Cidade, e lançadas na rede social “Facebook”. Pelo contexto da imagem, percebe-se que o rapaz foi levado a um estabelecimento para fazer fotos para documentos. “Não precisa! Fica normal. Fica com a boca normal se não vou já largar a porrada”, esbraveja a mulher em um dos trechos do vídeo.
 
O vídeo tem um pouco mais de um minuto e mostra a falta de paciência da mãe com o filho doente. Mesmo sem ele compreender o que está acontecendo, ela grita e dá seguidos tapas no  rosto do rapaz. Um dos compartilhamentos do video, postado na página do tenente da Polícia Militar, Carpegiane Andrade, possuia mais de 53 mil visualizações até a tarde ontem, além de 1.441 compartilhamentos e mais de 750 comentários. “Esta mulher há anos que espanca este rapaz que é doente mental. Procure esta mulher”, comentou uma seguidora. “Pelo amor de Deus, cadê a justiça que não prende essa mulher? Estou muito indignada com essa barbaridade”, comentou Dalliane Barbosa. 



Nenhuma denúncia
A reportagem conseguiu localizar o endereço da mulher, mas ela não foi localizada. Segundo a vizinhança, ela teria saído de casa por medo de represálias, visto a dimensão que a postagem ganhou na internet. Uma senhora que preferiu não se identificar, confirmou que a mulher é acostumada a maltratar o filho e que as sessões de agressões acontecem o tempo inteiro. Segundo ela, o jovem já foi deixado, inclusive, em casa sozinho enquanto a mãe realizava uma viagem. “É muito triste a situação de menino. Ele é doente e não merece passar por isso”, contou. Embora o caso tenha ganhado visibilidade na internet, até o momento nenhum boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil. 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.