Segunda-feira, 10 de Agosto de 2020
APREENSÃO

Mais de 10 mil munições são encontradas em porão de barco na Panair

A principal suspeita da polícia é de que a grande quantidade serviria para abastecer facções criminosas que atuam no AM



e0d3c1a6-bc19-4afa-b3b6-17fb1085ccce_0C4D149E-BB75-4F03-AA8A-96D53A66F56D.jpg Foto: Divulgação
25/06/2020 às 10:42

Mais de 10.000 munições de calibres diversos foram apreendidas ontem (24) por policiais da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV). O delegado titular da especializada Cícero Túlio disse que já instaurou inquérito policial para investigar qual seria o destino das mesmas.

A principal suspeita é que as munições serviriam para abastecer as facções criminosas que atuam no Amazonas. “Nós ainda estamos iniciando as investigações, portanto não podemos afirmar isso, mas é uma linha das nossas investigações”, disse Cícero Túlio.



Conforme o delegado, as munições são para rifles, escopetas e pistolas e vieram dos países Bolívia e Colômbia, chegando em Manaus por meio de uma embarcação que veio do município de Itacoatiara e estava parada no Porto da Panair, bairro Colônia Oliveira Machado, Zona Sul de Manaus.

De acordo com o delegado, a ação policial começou com uma investigação para recuperar uma motocicleta roubada, mas chegando ao local, além de localizar o veículo, os policiais se depararam com a grande quantidade de munições que estavam escondidas no porão.

Conforme o delegado, as investigações apontam que as munições são adquiridas clandestinamente em países da América do Sul como Colômbia e Bolívia a um preço muito abaixo de mercado e oriundos de desvio de cargas.

O proprietário da embarcação e mais duas pessoas foram interrogadas no procedimento instaurado na Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos. A Polícia investiga agora o destino da carga e os responsáveis pela remessa do material.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.