Publicidade
Manaus
DIA D

Mais de 50% do público alvo do dia 'D' contra Influenza foi vacinado no sábado (30)

A campanha segue até o dia 20 de maio. A aplicação pode ser feita em todas as salas de vacina das unidades Saúde da cidade e protege contra os vírus H1N1, H3N2 e influenza B 01/05/2016 às 16:52 - Atualizado em 01/05/2016 às 16:53
Show c3508ba7 250c 4947 aaec c697a26c80ba
Cerca de 55,15% da meta foi atingida, rumo ao total de 396.970 pessoas dos grupos prioritários, entre eles crianças de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias; idosos acima de 60 anos e outros
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Mais de 218,9 mil pessoas foram imunizadas no dia ‘D’ de vacinação contra Influenza, no último sábado (30) na capital amazonense. Ou seja, 55,15% da meta foi atingida, rumo ao total de 396.970 pessoas dos grupos prioritários, entre eles crianças de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias; idosos acima de 60 anos, trabalhadores da saúde, gestantes, puérperas, indígenas e pessoas com comorbidades (doenças crônicas).

A campanha segue até o dia 20 de maio. A aplicação pode ser feita em todas as salas de vacina das unidades Saúde da cidade e protege contra os vírus H1N1, H3N2 e influenza B.

“A gente precisa que as pessoas cheguem às unidades básicas de saúde para reivindicar sua vacina, pois se trata de um vírus que, se instalado, torna a resistência da pessoa imprevisível. Então, é melhor prevenir do que remediar, pois o vírus não atinge as pessoas vacinadas”, reforçou o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, que também recebeu a vacina no dia ‘D’.

Sobre os números na capital, Manaus obteve bons resultados de cobertura vacinal entre os grupos, onde os grupos mais numerosos saíram bem já no início da campanha.

O grupo de crianças tem a meta de vacinação de 163.359 e só no dia ‘D’ chegou a 50,77% deles, totalizando 82.934 doses aplicadas. Já os idosos, que somam 111.669 em Manaus, já registraram 65,09% de imunização, um total de 72.680 doses aplicadas.

Outros dois grupos proporcionalmente menores, mas que já registraram excelentes resultados foi o de indígenas e o de pessoas com comorbidades, com resultados de 84,42% e 87,58, respectivamente, no dia ‘D’. Ambas já alcançaram as metas mínimas de imunização consideradas satisfatórias para o Ministério da Saúde.

Os trabalhadores da saúde marcaram 36,63%, as gestantes 34,13% e as puérperas 40,29% de doses aplicadas.

“A equipe da saúde em Manaus é sempre comprometida e vamos seguir até o dia 20 de maio para superar a meta. A partir desta segunda-feira, se você faz parte de um dos grupos prioritários, procure as salas de vacinação das nossas unidades de saúde e garanta sua vacina contra esse vírus”, alertou o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto.

Vacinação especial para acamados

No caso de pessoas acamadas, dentro do grupo prioritário, a Semsa irá disponibilizar a imunização na residência. O agendamento pode ser feito pelo telefone 0800 280 8 280, até o dia 20 de maio.

Grupos prioritários

Devem receber a vacina:

1) Crianças na faixa etária entre seis meses e quatro anos, 11 meses e 29 dias - cinco anos incompletos;

2) Gestantes em qualquer idade gestacional;

3) mulheres no puerpério (até 45 dias após o parto);

4) Trabalhadores da saúde (excluindo os da área administrativa);

5) Indígenas que moram em aldeias, assistidos pelos órgãos competentes;

6) Idosos com 60 anos ou mais;

7) Adolescentes e jovens de 12 a 18 anos sob medidas socioeducativas;

8) População privada de liberdade;

9) Pessoas com doenças crônicas, como diabetes, cardiopatia, hepatopatia e algumas doenças neurológicas. Este último grupo deve apresentar a carteira do programa ou laudo médico, os demais devem apresentar a identidade e as crianças a carteira de vacinação.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade