Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019
ECONOMIA

Manauara vai usar 13º salário para pagar dívidas e comprar roupas, diz estudo da CDL

Maioria dos consumidores (22,42%) pretende pagar dívidas já contraídas, no entanto, há quem vai priorizar a compra de vestuário para as festas de fim de ano (17,50%)



13-salario_79DCB1AA-8574-4746-B337-1918B109FFCA.jpg Foto: Reprodução/Internet
26/11/2018 às 18:06

O pagamento das dívidas com o décimo terceiro salário será prioridade para os manauaras este ano. É o que aponta pesquisa da Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL Manaus) divulgada nesta segunda-feira (26). Ainda com incertezas quanto à economia, a maioria dos consumidores (o equivalente a 22,42%) pretende pagar as dívidas já contraídas, no entanto, há quem vai priorizar a compra de vestuário (17,50%) para as festas de fim de ano.

De acordo com o estudo, a quantidade de pessoas que vai pagar dívidas aumentou 1,79% frente a 2017. Entre os entrevistados, 10,95% pretendem comprar calçados; 10,99% devem poupar para fazer frente às despesas do início do ano e 9,24% pretendem comprar alimentos e itens para a ceia.

Os dados mostram que no ano passado, período em que a recessão econômica já davam os primeiros passos, 20,63% dos entrevistados disseram que utilizariam o recurso do 13º para pagar dívidas, 19,38% para comprar itens de vestuário, 11,10% para comprar calçados, 11,13% optaram por poupar e 9,18% responderam que utilizaram o recurso em alimentação.

Segundo a pesquisa da CDL Manaus, 55,8% dos entrevistados disseram que contraíram dívidas parceladas este ano, enquanto que, 44,2% dos entrevistados estão sem dívidas.

Endividados

Quanto aos entrevistados que se endividaram nos últimos seis meses: 33,1% devem menos de 3 parcelas de sua dívida; 30,6% devem pelo menos entre 4 e 5 parcelas; 13,6% devem, pelo menos, entre 6 a 10 parcelas de sua dívida; 10,7% informaram que não possuem nenhuma dívida; 7,6% devem, pelo menos, entre 11 a 15 parcelas; e 4,5% devem mais de 15 parcelas.

Forma de pagamento

Com relação à forma de pagamento em contraponto ao local que se pretende comprar; os entrevistados informaram que desejam pagar em dinheiro 46,8%; cartão de débito (45,10%) e crédito (59,41%) e realizar as compras no comércio do Centro. Além desses, 23,2% devem efetuar o pagamento em dinheiro; 15,10% no cartão de débito e 2,82% no crédito e realizar as compras no comércio de bairro. Nos shoppings, dinheiro (13,6%); débito (30,20%) e crédito (27,69%). 

A CDL Manaus ouviu 600 pessoas entre os dias 1º a 4 de outubro.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.