Publicidade
Manaus
Manaus

Manaus é uma das melhores cidades brasileiras para se viver, afirma consultoria britânica

Após boa exposição durante a Copa do Mundo da Fifa, em 2014, a capital amazonense desponta globalmente e aparece como a quarta cidade brasileira com a melhor qualidade de vida. Brasília está no topo do ranking nacional, apesar de ocupar o 107º lugar na lista internacional completa 05/03/2015 às 19:23
Show 1
Qualidade de vida: Manaus ficou na 127ª posição entre 440 cidades pesquisadas ao redor do planeta
ANTÔNIO PAULO Brasília (Sucursal)

Manaus está entre as quatro cidades brasileiras com a melhor qualidade de vida, ficando atrás apenas de Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo. Segundo pesquisa feita pela consultoria britânica de recursos humanos Mercer, a capital do Brasil, que ocupa o 107º lugar entre 230 cidades pesquisadas em todo o mundo, é o melhor lugar para viver do País. A cidade de Manaus ocupa a 127ª posição, antecedida pelo Rio (119º) e São Paulo (120º).

Ao todo, 440 cidades globais foram avaliadas, levando em conta aspectos econômicos, políticos, sociais, culturais, ambientais e de segurança, além de oferta de serviços, educação e moradia. As cidades europeias são as que dominam o topo do ranking.

Além de Viena, estão entre as melhores da lista duas cidades suíças - Zurique (2º) e Genebra (8º) -, três cidades alemãs - Munique (4º), Dusseldorf (6º) e Frankfurt (7º) -, e a capital dinamarquesa, Copenhague (9º). Auckland (3º), na Nova Zelândia, Vancouver (5º), no Canadá, e Sydney (10º), na Austrália, completam o Top 10.

Cidade brasileira com a melhor avaliação, Brasília ficou atrás de três capitais da América do Sul. Montevidéu (78º), no Uruguai, obteve a melhor posição na região, seguida por Buenos Aires (91º), na Argentina, e Santiago (93º), no Chile. Bagdá, capital do Iraque, fecha a lista em último lugar.

Na Ásia, o destaque fica por conta de Singapura (Singapura), que ocupa a 25ª colocação, e, no Oriente Médio, as líderes são a Dubai e Abu Dhabi (ambos dos Emirados Árabes Unidos), que estão em 74ª e 77ª, respectivamente.

De acordo com a empresa, a edição 2015 do ranking avaliou o desempenho de 440 cidades em dez diferentes categorias, como o ambiente econômico e sociocultural, a qualidade das escolas, a moradia e os serviços de transporte público, e classificou 230 delas. O ranking compreende 230 cidades e é usado por multinacionais no cálculo de benefícios para funcionários expatriados.

Grata surpresa

Em 2014, Manaus foi destaque, pela Fifa e jornalistas do mundo inteiro, com uma das melhores sedes da primeira fase do campeonato mundial de futebol. Na avaliação do Ministério do Turismo (MTur), o Amazonas soube aproveitar a oportunidade e se “vender” para o mundo. Tanto que, além de Manaus, os turistas estrangeiros da Copa visitaram outros destinos amazonenses como Parintins, Novo Airão, Tabatinga e Tefé.

As pesquisas do MTur mostram ainda que Manaus vem despontando como importante destino de turismo de negócios, atraindo turistas de alto poder aquisitivo. A capital está também entre as dez cidades mais desejada pelos viajantes.

Agora, é cotada para ser uma das subsedes das Olimpíadas de 2016, com jogos na Arena da Amazônia, eleita pelo site StadiumDB como a segunda melhor do mundo. O primeiro lugar ficou com o estádio Hazza Bin Zayed, dos Emirados Árabes. A decisão final, se Manaus será uma das sedes das Olimpíadas do Rio de Janeiro, será tomada no dia 16 de março em reunião do comitê organizador da Fifa.

Publicidade
Publicidade