Sábado, 22 de Fevereiro de 2020
COMOÇÃO

Manaus está de luto oficial por três dias após homicídio de diretor de escola

O velório do professor Genivaldo será na escola municipal Profª Francisca Pereira, a partir das 13h. O sepultamento será no Cemitério Recanto da Paz, às 16h



83062923_2824335827624506_2726973696571867136_n_D89D53DD-B0CB-4485-B2E3-5FF535637822.jpg Foto: Reprodução
17/01/2020 às 12:28

O poder executivo municipal decretou, nesta sexta-feira (17), luto oficial de três dias em Manaus, após a morte do professor Antonio Genivaldo Lira Lacerdo, 47 anos, que atuava como gestor da escola municipal Profª Francisca Pereira Araújo, localizada na Rua Padre Monteiro Noronha, bairro Flores, Zona Centro-Sul de Manaus. O Governo do Amazonas também lamentou a morte de Antonio

Genivaldo desapareceu na tarde de quarta-feira (15) e encontrado morto na madrugada de hoje (17) dentro de uma casa, no bairro Colônia Terra Nova, na Zona Norte de Manaus. O velório do professor Genivaldo será na escola municipal Profª Francisca Pereira, a partir das 13h. O sepultamento será no Cemitério Recanto da Paz, às 16h. Genivaldo iria completar 48 anos no próximo dia 8 de fevereiro.



Servidor efetivo da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Genivaldo era formado em Filosofia pela Universidade Católica de Brasília (UCB), pós-graduado em Didática do Ensino Superior pela Faculdade de Educação da Serra (Fase) e era aluno do curso de mestrado de Ciências da Comunicação, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Ao assumir a gestão da Francisca Pereira, a escola tinha nota de 4,3 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Devido ao valoroso trabalho desenvolvido com toda equipe escolar, a unidade deu um salto significativo e alcançou o primeiro lugar, nos Anos Finais, no último Ideb, com o índice de 6,5. Ao longo desses anos, tanto o professor Genivaldo quanto a escola, ganharam diversas premiações em reconhecimento aos resultados alcançados.

A secretária da Semed, Kátia Schweickardt, ressaltou que Manaus perde um líder e respeitado educador. “O Genivaldo, junto com toda a equipe, realizava um trabalho de referência na Francisca Pereira. Sempre digo que a gestão qualificada faz toda a diferença e ele fez e vai continuar fazendo. A educação está em luto”, comentou.

Governo do AM lamenta

O Governo do Estado do Amazonas manifestou pesar pela morte do professor, e o governador Wilson Lima afirma que as "forças de segurança do Estado estão atuando para identificar e prender os envolvidos no crime"

Desde a madrugada as equipes da Delegacia de Homicídios e Sequestros, da Polícia Civil, estão em diligências na capital em busca de localizar o outro acusado, de acordo com o Governo do AM

Formado em filosofia pela Universidade Católica de Brasília, com pós-graduação em didática, e aluno de mestrado da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), o professor atuava há sete anos como gestor escolar.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.