Domingo, 07 de Março de 2021
Manaus

Marcelaine Schumann e réus devem ser monitorados por meio de tornozeleiras eletrônicas

Monitoramento só será realizado caso juiz da 3ª Vara do Tribunal do Júri decida deferir o pedido de liberdade provisória solicitados pelas defesas dos réus. Revogação da prisão dos envolvidos na trama sairá na próxima segunda (16)



1.gif Marcelaine Schumann deve ser monitorada por tornozeleira eletrônica
13/03/2015 às 11:17

A socialite Marcelaine Schumann e os demais envolvidos na trama para executar a estudante de direito Denise Almeida da Silva deverão ser monitorados por meio de tornozeleiras eletrônicas caso o juiz da 3ª Vara do Tribunal do Júri decida deferir o pedido de liberdade provisória solicitados pelas defesas dos réus durante a instrução processual ocorrida na semana passada. Ontem a informação é de que o pedido estava sendo analisado pelo magistrado.

O pronunciamento do juiz a cerca da revogação da prisão dos réus deverá sair na segunda-feira, depois da acareação entre os envolvidos e os policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), quando também decidirá se os réus vão a julgamento ou não.



A Secretaria de Justiça e de Direitos Humanos (Sejus) já encaminhou ao magistrado todas as informações e exigência para o uso da tornozeleiras, o que já foi juntado aos autos, para o conhecimento dos advogados dos réus.

Para que o preso seja integrado ao sistema de monitoramento por tornozeleiras eletrônicas é exigido o endereço, o telefone celular, os locais onde o monitorado está proibido de circular para fins de delimitar o perímetro do confinamento.

De acordo com as investigações da Polícia Civil do Amazonas, Marcelaine contratou pistoleiros e pagou R$ 7 mil para que executassem o crime que teve motivação passional. Logo depois do crime a suspeita viajou de férias para Miami, onde passou o Natal e o Réveillon.

Ainda segundo as investigações, Denise e Marcelaine, embora casadas, teriam um relacionamento extra-conjugal com o empresário Marcos Souto, que também é casado. Denise nega o envolvimento com Marcos.

Além de Marcelaine, outros réus Charles MacDonald Lopes Castelo Branco, Karen Arévalo Marques e Rafael Leal dos Santos estão envolvidos na trama.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.