Publicidade
Manaus
Manaus

Marido bate em mulher e faz bebê de refém para não ser preso na Zona Norte de Manaus

Depois de horas de negociações, os policiais conseguiram imobilizar o suspeito e liberar a criança 06/11/2013 às 09:04
Show 1
O caso foi registrado no 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP)
Bruna Souza Manaus, AM

A dona de casa Francisca Brites Santos da Rocha, 31, foi agredida pelo companheiro Gladson Ivan Souza Martins, 29, e o denunciou a polícia na madrugada desta quarta-feira (6) na rua do Acará, Conjunto Viver Melhor, bairro Lagoa Azul, Zona Norte de Manaus. Após perceber a chegada dos policiais, o marido pegou uma faca e manteve o filho de um ano e oito meses como refém, ameaçando matá-lo e depois cometer suicídio se fosse preso. Depois de horas de negociações, os policiais conseguiram imobilizar o suspeito e liberar a criança.

De acordo com informações repassadas pelos policiais da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) que constam no relatório de ocorrências da Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 0h41 após a dona de casa ter sido agredida, ameaçada e expulsa de casa no início da madrugada.

Ainda segundo a polícia, Gladson ficou na casa com três filhos, entre eles o bebê que manteve como refém depois de ser denunciado pela companheira. Os policiais militares conduziram as negociações e no momento de distração, eles conseguiram imobilizar o suspeito. A criança foi liberada e Gladson conduzido ao 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Na delegacia, o suspeito foi autuado em flagrante por violência doméstica, ameaça e cárcere privado e será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa ainda nesta manhã.

Publicidade
Publicidade