Domingo, 22 de Setembro de 2019
BOA AÇÃO

McDia Feliz chega à sua 18ª edição em Manaus em clima de solidariedade

Os projetos executados pelo GACC-AM, com apoio do Instituto Ronald McDonald, beneficiaram, em 2018, mais de cem mil crianças e adolescentes com câncer atendidas pela instituição.



WhatsApp_Image_2019-08-24_at_20.01.38_C34FCA3E-FE8A-41F8-95BB-8EE2C7794BCB.jpeg
24/08/2019 às 20:04

Este sábado foi dedicado ao McDia Feliz, a já tradicional mobilização que acontece em todo o Brasil em prol da cura do câncer infantojuvenil. Em sua 31ª edição (sendo a 18 ª no Amazonas), os projetos desenvolvidos pelo Grupo de Apoio à Criança com Câncer (Gacc-AM), que alcançam cerca de 900 crianças e adolescentes com câncer no Estado, serão beneficiados através da venda de produtos promocionais com a marca da campanha e a venda de ‘’Big Mac’’ em todos os restaurantes McDonald’s de Manaus.

Os projetos executados pelo GACC-AM, com apoio do Instituto Ronald McDonald, beneficiaram, em 2018, mais de cem mil crianças e adolescentes com câncer atendidas pela instituição. Desde 2001, o GACC participa da campanha McDia Feliz. A campanha acontece neste sábado até as 23h59 em todas as unidades do McDonald’s da capital amazonense - da avenida Djalma Batista e dos shoppings Amazonas, Manauara e Ponta Negra.

A coordenadora de marketing do GACC-AM, Karoliny Santos, diz que, desde o início da parceria com o Instituto Ronald McDonald, mais de 30 projetos foram executados, todos com foco na promoção da saúde e bem-estar de pacientes de Manaus e do interior do Amazonas que vem para capital em busca de tratamento. 

A arrecadação de edições anteriores do McDiaFeliz possibilitou, por exemplo, a construção do prédio do GACC-AM, no Dom Pedro, zona Centro-Oeste da capital, onde são realizados 6.500 atendimentos por mês, entre hotelaria (para pacientes vindos do interior), atendimento psicoterapêutico, nutricional, um projeto cultural chamado ‘’Alegria é o melhor Remédio’’ e oficinas ocupacionais, entre outros. 

‘’Os resultados da campanha em 2019 irão contribuir para dar continuidade aos atendimentos às crianças e adolescentes na área social, psíquica, física e alimentar. Cerca de 5 mil pessoas (ente pacientes e familiares) serão beneficiadas com a arrecadação de hoje’’, disse.

Na unidade do McDonald’s da avenida Djalma Batista, onde aconteceu a maioria das atividades culturais ao longo do dia, a nossa reportagem teve a oportunidade de assistir à apresentação de um dueto todo especial formado pelo músico Geovani Ramos e o seu filho mais velho, Pedro Guilherme Ramos, de 13 anos. ‘’Hoje é um dia que unimos forças para curar os nossos filhos’’, disse o pai emocionado antes de cantar a canção ‘’Um Chamado’’, do grupo cristão Quatro por Um. 

O motivo da apresentação não poderia ser mais encorajador à plateia de crianças e adolescentes em tratamento: Pedro foi considerado curado do câncer em julho desse ano, após lutar contra o Tumor de Wilms desde quando ele tinha um ano de idade.  ‘’Imagine você ganhar 200 milhões de reais na loteria. A alegria que eu senti com a cura do meu filho não chega nem perto disso. A família toda sofreu com ele durante todos esses anos. No dia 16 de julho desse ano o Pedro Guilherme tocou o sino da FCecon [Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas]. Foi uma festa ter recebido o atestado de cura dele. Fiz questão de ir ao GACC-AM dar a notícia em primeira mão porque as pessoas precisam saber que o câncer pode ser vencido ’’, recorda o pai.

Ramos conta que o filho enfrentou uma série de restrições ao longo do tratamento, como não ingerir certos alimentos nem participar de algumas atividades. O primeiro pedido do garoto assim que ele foi curado não poderia ter sido mais regional: tomar um banho de igarapé. ‘’Tiramos um dia para levar ele a um balneário e realizar esse desejo que foi adiado por tanto tempo por conta do tratamento. O Pedro é um menino de ouro’’, conta o pai, orgulhoso.

Captação de recursos para projetos
O “McDia Feliz” tem como principal objetivo captar recursos e apoiar projetos que contribuam para o aumento dos índices de cura do câncer infantojuvenil.  O instituto participa há 19 anos do evento coordenado nacionalmente pelo Instituto Ronald McDonald. A campanha visa chamar a atenção da sociedade para o câncer, maior causa de morte por doença entre crianças de 0 a 19 anos.

News guilherme 1674 2977771b 6b49 41af 859a ef3c3b62eae8
Repórter do caderno de Cidades - Jornal A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.