Quinta-feira, 27 de Junho de 2019
INVESTIMENTO

Ministro da educação libera recursos para HUGV e cobra agilidade nas obras

Foram liberados R$ 8,3 milhões dos cofres públicos federais para segunda fase de construção do complexo hospitalar. Obra geral é orçada em R$ 105 milhões



WhatsApp_Image_2018-07-23_at_12.05.44.jpeg (Jair Araújo)
23/07/2018 às 12:28

O Ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, esteve na manhã desta segunda-feira (23) no Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV), para liberar R$ 8,3 milhões dos cofres públicos federais destinados para a segunda fase de construção do complexo hospitalar. No total, ele é orçado em R$ 105 milhões. O Ministro, juntamente com as demais autoridades presentes, ainda visitou o canteiro de obras do hospital.

“Nós sempre tentaremos ajudar a educação no Amazonas. É importante para a população o serviço deste hospital”, ressaltou durante a coletiva de imprensa no local.

O Superintendente em exercício do HUGV, Dr. Luis Carlos Lima, explicou que com a construção da segunda torre, o intuito é disponibilizar o serviço de nefrologia e afins, como, por exemplo, a hemodiálise. “Também pretendemos dobrar o número de cirurgias por dia”, disse. O HUGV realiza 20 cirurgias diárias. 

O reitor da Universidade Federal do Amazonas, Sylvio Puga,também esteve presente. Ele destacou que com a verba disponibilizada, a obra será mais ágil. “Parte da torre dois já se encontra em construção e com isso, nós poderemos entregar o setor de nefrologia para a população amazonense, ampliando a capacidade de oferta do Hospital Universitário”, falou.

A primeira parte do complexo hospitalar foi orçada em R$75 milhões e a segunda em R$ 30 milhões.A segunda torre, que terá 8 andares, tem previsão de entrega para setembro de 2019.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.