Segunda-feira, 23 de Novembro de 2020
Renato Souza Pinto 2

Moradores constroem com dinheiro próprio área de lazer na Zona Norte

Moradores do conjunto Renato Souza Pinto 2, no bairro Cidade Nova, zona Norte de Manaus, constroem um espaço de lazer voltado principalmente para às crianças



121234874_10224238673619048_1398030861221301154_o_EA69A282-DFEC-4B71-B54F-EC9833ECAB94.jpg Foto: Junio Matos'
09/10/2020 às 15:24

É com os recursos do próprio bolso que os moradores do conjunto Renato Souza Pinto 2, no bairro Cidade Nova, zona Norte de Manaus, constroem um espaço de lazer voltado principalmente para as crianças da localidade.

O pedido pela construção de uma praça é antigo e após anos de espera, a própria população resolveu colocar as mãos na massa e juntar as economias para tirar a ideia do papel. Ao menos sessenta moradores estão envolvidos nas despesas que já somam R$ 5 mil.



“Nós queremos que isso chegue ao poder público por que é uma vergonha os próprios moradores se juntarem para construir uma praça. Aqui é um local muito bom de se morar, mas não há um área de lazer, foi por isso que começamos a nos reunir para levantar esse local para as crianças”, afirmou o locutor Orleans Alves de Souza, de 60 anos.

A ideia, conforme os moradores, é construir uma pequena quadra e ao redor da construção, melhorar o paisagismo e ainda elaborar uma pista para que a população possa fazer caminhadas. Para a quadra, já foram implantadas as pilastras, o cercado, a partir de agora, os moradores buscam outros materiais para a mão de obra como areia, cimento, e ainda os arames para telar o espaço a fim de garantir a segurança das crianças.

“Eu moro aqui há 31 anos e até agora nenhum dos governos se prestou a nos assistir nesse sentido. Já vieram técnicos da prefeitura, mas nunca fizeram nada. Então, nós decidimos tomar uma atitude, ou seja, fazer aquilo que eles não fizeram. Nós estamos colocando mesmo as mãos na massa”, destacou o técnico em radiologia médica Wanderley Ribeiro sarmento, 57, que mora há mais de 30 anos no conjunto.

“O recurso é único e exclusivo dos moradores, nenhum parlamentar prestou a nos socorrer. Sabemos que a obrigatoriedade é dos órgãos públicos, mas não podemos ficar inativos sem fazer nada. Hoje em dia, as crianças ficam presas em casa nos seus celulares e computadores, elas se isolam umas das outras e isso desenvolve no caráter delas o egoísmo e a auto estima baixa. Por isso, nós acreditamos que uma área de lazer vai colaborar muito para o desenvolvimento delas”.

Sobre a construção da área de lazer para a comunidade, a reportagem aguarda posicionamento por parte da Prefeitura de Manaus.

News karol 2d8bdd38 ce99 4bb8 9b75 aaf1a868182f
Repórter de Cidades
Jornalista formada pela Uninorte. Apaixonada pela linguagem radiofônica, na qual teve suas primeiras experiências, foi no impresso que encarou o desafio da prática jornalística e o amor pela escrita.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.