Publicidade
Manaus
Manaus

Moradores do bairro São Lázaro reclamam dos constantes assaltos e falta de policiamento no local

O clima é de insegurança entre os moradores do bairro localizado na Zona Sul de Manaus 17/07/2015 às 12:25
Show 1
Os moradores do bairro reclamam dos constantes assaltos no local
acritica.com ---

Os moradores de duas das principais ruas do bairro do São Lázaro, Zona Sul de Manaus, estão sofrendo com os constantes assaltos que ocorrem no local. Os crimes, cometidos na maioria das vezes pela parte da noite por homens em motocicletas, estão virando rotina para quem tem que passar pelas ruas Nove de maio e São Vicente. O mais curioso é que os crimes ocorrem a poucos metros da 7ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

A autônoma Nádia Almeida, 33, foi vítima dos criminosos em frente a sua residência ao sair de casa. “Estava saindo de casa quando vi mais a frente dois homens em uma moto assaltando um rapaz. Tentei voltar para casa, mas os bandidos perceberam e assaltaram a mim e outra pessoa que também viu o momento em seguida. Está ficando difícil conviver com tanta violência”, contou abalada.

A estudante Amanda Silva também já foi vítima em frente a sua casa. “Fui jogar o lixo quando um motoqueiro me abordou e apontou uma arma pra mim pedindo meu celular, que estava escondido. Fiquei nervosa, mas fiz o que ele pediu”, disse.

Os moradores também reclamam da falta de policiamento nas ruas do bairro. A estudante Mirella Gomes, que também foi vítima de assaltos, revelou que é muito difícil ver a presença de viaturas ou policiamento.

“É muito difícil ver viaturas nas ruas. A gente imagina que morar perto de uma delegacia é sinal de proteção e segurança, mas não é bem assim”, disse a estudante enfatizando que seria ideal a volta do programa Ronda no Bairro.

Em nota a assessoria de comunicação da Polícia Militar informou que a 7° Cicom realiza patrulhamento na área com três viaturas e duas duplas de motociclistas priorizando setores comerciais e adjacências. Afirma ainda que a Cicom realiza visitas comunitárias e palestras escolares, a fim de interagir com a comunidade.


Publicidade
Publicidade