Quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2020
INOVAÇÃO

Mostra de tecnologia apresenta projetos de crianças manauaras para a cidade

Crianças e adolescentes criaram 22 projetos voltados para solucionar problemas sociais e urbanos, como queimadas florestais e alagamentos durante a a 3ª Manaós Tech for Kids



tech_90A2B49B-6B8D-4F5A-95A2-11A20EB5AF58.JPG Foto: Divulgação
16/12/2019 às 07:50

Crianças e adolescentes desenvolvendo tecnologia de gente grande criaram 22 projetos voltados para solucionar problemas sociais e urbanos, como queimadas florestais, alagamentos, déficit na saúde e educação, urbanismo, acessibilidade, transporte, coleta de lixo, entre outros. Os projetos foram apresentados na 3ª Mostra Tecnológica da escola de educação tecnológica Manaós Tech for Kids, que aconteceu na tarde do último sábado, no Impact Hub, no bairro do Aleixo, Zona Centro-Sul de Manaus.

Projetos como o “Physio Bot” (robô fisioterapeuta, em inglês) criado pelo aluno Juan Miguel Abrahim Gomes Mitoso, 10 anos, da turma Padawan da Manaós Tech. “O robô pode identificar e auxiliar na recuperação dos movimentos da mão para pessoas que sofrem de uma doença chamada tendinite. Eu pensei no projeto por conta da minha mãe porque ela sofre com esse tipo de problema”, declarou o pequeno inventor.

A mãe de Juan, a analista de sistemas Deolinda Mitoso, disse que a Mostra Tecnológica é importante porque estimula a criatividade das crianças e o trabalho em equipe. “Achei maravilhoso ver cada criança com a sua criatividade, sua forma de se expressar. Vi muita coisa inovadora e vi a alegria das crianças em apresentarem seus projetos. E isso é o futuro. Amei o que meu filho fez pensando em mim. Isso foi muito gratificante e só tenho a agradecer à escola por fazer isso acontecer”, disse.

Contra alagamentos

O “Drain Walker” – uma espécie de calçada para ajudar na drenagem das ruas em que andamos –   foi pensado para  resolver os problemas de alagamentos. O material é feito com pedriscos, cimento branco e outros tipos de pedras. “É uma calçada capaz de drenar a água nas ruas quando chover”, disse  a aluna Paloma Brito de Farias, de 14 anos,  integrante da turma Jedi da escola de robótica. 

“A ideia é colocá-la no meio e nas laterais das ruas porque na hora que chover, ela vai cair para o meio e para os lados, assim, vai drenar a água e deixar a rua apenas úmida. Então, isso vai ajudar muito porque, com o calor de Manaus, as chuvas fazem o asfalto quebrar com mais facilidade, e como a nossa Drain Walker é branca, ela vai rebater a luz do sol e impedir que o asfalto fique tão quente. Dessa forma, o asfalto também pode ter mais durabilidade”, explicou. 
 



News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.