Publicidade
Manaus
ROUBO

Motorista de ônibus é baleado durante assalto a linha 680 no Gilberto Mestrinho

Dois homens entraram no coletivo, anunciaram o assalto e depois atiraram contra o motorista. Ele foi atingido na região do ombro direito e precisou ser socorrido para o Hospital João Lúcio 25/03/2018 às 13:07 - Atualizado em 25/03/2018 às 13:19
Show motorista 2
O motorista foi atendido no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio e liberado horas depois (Foto: Divulgação)
Fábio Oliveira Manaus (AM)

O motorista de ônibus Ronaldo Gomes Braga foi baleado na tarde de sábado (24), dentro do coletivo 680, no qual trabalha, após sofrer um assalto. A idade do condutor não foi revelada e ele não corre risco de morte. O caso aconteceu na Zona Leste de Manaus.

De acordo com informações da assessoria de imprensa da Global Green, empresa responsável pela linha 680, Ronaldo foi atingido na região do ombro direito e em seguida foi socorrido para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, onde foi atendido e liberado horas depois.

Segundo a empresa, o caso aconteceu na avenida Iraque, na comunidade Grande Vitória, no bairro Gilberto Mestrinho. Dois homens entraram no coletivo, anunciaram o assalto e depois atiraram contra o motorista Ronaldo. A reportagem não obteve informação se ele reagiu à abordagem.

Entretanto, segundo informações não oficiais, os criminosos queriam saber quem seria o policial disfarçado no ônibus e teriam questionado o motorista sobre isso. Como Ronaldo não soube responder acabou baleado. Porém, a informação deve ser checada nesta segunda-feira pela Global Green.

Na última segunda-feira (19), o vice-governador e atual secretário de Segurança Pública, Bosco Saraiva, anunciou reforço nos cinco terminais de integração da capital amazonense com a inclusão de policiais à paisana, que ficaram dentro dos coletivos e também nas plataformas.

O trabalho, que envolve equipes da Polícia Civil, Polícia Militar e da Secretaria Executiva-Adjunta de Operações ocorrerá nos horários de pico ao longo do dia. A assessoria da Global Green informou que um Boletim de Ocorrência será registrado no 4º Distrito Integrado de Polícia (DIP) sobre o caso

Publicidade
Publicidade