Terça-feira, 16 de Julho de 2019
Acidente de trânsito

Motorista sem os braços é hostilizado no trânsito em Manaus

Leonardo de Souza bateu o carro que dirigia em uma garagem, na Boulevard Álvaro Maia, após o condutor de uma motocicleta, ao reconhecê-lo, empinar o veículo e cortar a frente do automóvel



_dljflskdf.JPG Na manhã desta segunda-feira (12), por volta das 8h30, Leonardo de Souza, de 18 anos, que se tornou a primeira pessoa com deficiência sem os braços a ser habilitado em toda a região Norte, bateu o carro que dirigia
12/12/2016 às 12:09

Na manhã desta segunda-feira (12), por volta das 8h30, Leonardo de Souza, de 18 anos, que se tornou a primeira pessoa com deficiência sem os braços a ser habilitado em toda a região Norte, bateu o carro que dirigia na garagem de uma casa na avenida Boulevard Álvaro Maia, na Zona Centro-Sul de Manaus, após o condutor de uma motocicleta, ao reconhecê-lo, empinar o veículo e cortar a frente do automóvel.

A informação foi confirmada pelo diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), Leonel Feitoza. “O Leonardo está sendo vítima de preconceito. Ele estava vindo para o Detran participar da abertura da campanha que estimula pessoas com deficiência a tirar a habilitação quando ocorreu isso. O motoqueiro quando viu que era ele que estava dirigindo empinou a moto e colocou para cima do carro dele. Para não bater no motoqueiro, ele desviou e bateu em um muro”, contou o diretor-presidente do Detran-AM.

“Não teve infração nenhuma do Leonardo. Quando o motoqueiro viu que era ele, fez isso de sacanagem”, complementou, informando ainda que a placa da motocicleta foi anotada e que os procedimentos cabíveis contra o condutor serão tomados pelo Detran-AM.

A tia de Leonardo, Cleide Duarte, disse à reportagem que foram apenas danos materiais e que o jovem está bem. O carro dirigido por ele, um Chevrolet Agile, de placas NON-0019, sofreu alguns danos na lateral direita. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), durante um ano, o motorista vai portar a chamada Permissão para Dirigir.

Nesse período não há qualquer restrição ao tipo de via onde ele poderá circular (é permitido dirigir em rodovias e na cidade), mas ele não poderá cometer infração de natureza grave ou gravíssima ou reincidir em infração média.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.