Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019
Manaus

Motoristas de ônibus passam por treinamento para respeitarem ciclistas em Manaus

Esta é a segunda ação do movimento Pedala Manaus com motoristas de ônibus. Durante o treinamento, eles viveram na pele as dificuldades e riscos que ciclistas passam no trânsito de Manaus. 



1.jpg A meta é sensibilizar os motoristas de ônibus para uma boa convivência com os ciclistas
25/07/2015 às 13:56

No dia do motorista, comemorado neste sábado (25), colaboradores da empresa de transporte público Via Verde participaram de uma atividade de conscientização sobre o ciclismo. Esta é a segunda ação do movimento Pedala Manaus com motoristas de ônibus. Durante o treinamento, eles viveram na pele as dificuldades e riscos que ciclistas passam no trânsito de Manaus. 

“É um trabalho de conscientização onde queremos mostrar que deve existir uma convivência pacífica no trânsito com condutores de diversos modais. Durante a palestra, abordamos a legislação, explicamos o que é uma via compartilhada e simulamos com os motoristas a condição do ciclista no trânsito”, explicou um dos coordenadores do movimento, Paulo Aguiar. 



A cidade e os motoristas de Manaus não são 'amigáveis' com os ciclistas (Foto: Aguilar Abecassis)

Uma bicicleta estática é utilizada na simulação e os próprios motoristas vivem alguns minutos de ciclistas.“Enquanto os motoristas estão nas bicicletas, um instrutor habilitado passará, ‘tirando fino’ deles. A ideia é mostrar como é difícil viver o outro lado”, conta. 

Nem todos os motoristas da empresa participaram da atividade. De 400, aproximadamente 10, entre motoristas e cobradores, toparam gastar algumas horas da manhã de sábado para o treinamento. Os que se voluntariaram comprometeram-se a multiplicar e conscientizar os demais colegas. 

Deividy dos Santos Gomes, 34, trabalha como motorista de ônibus há mais de 10 anos e conta que, apesar das dificuldades e estresses que o trânsito causa, é preciso ter calma e muita paciência.

“Não vou mentir e dizer que nunca me estressei, ou que nunca ‘fechei’ alguém, assim como já me ‘fecharam’ muitas vezes. Mas acho importante esse tipo de treinamento para nos conscientizarmos que a vida humana é mais importante que tudo. Sempre que saio de casa peço a Deus para que ilumine meu dia. Saio feliz, mas às vezes algumas coisas não dão certo e acaba refletindo no volante.  São nessas horas que precisamos pôr em prática a educação e treinamentos que recebemos”.  

Em Manaus, 2% da população utiliza a bicicleta como meio de transporte. O número equivale a quase 40 mil pessoas, segundo o movimento Pedala Manaus. Em maio deste ano, o caso do ciclista Antônio Simão de Lima Araújo,  62, que morreu após ter tido a cabeça esmagada por um ônibus causou repercussão e comoção na popualação da cidade.  

Na última quarta-feira (22) o resultado do laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que o acidente foi causado pelo motorista do coletivo que atingiu o idoso.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.