Terça-feira, 20 de Agosto de 2019
Manaus

Motoristas e flanelinhas desafiam poder público e promovem caos no trânsito da Manaus Moderna

As irregularidades no local resultam na aplicação de 70 autuações por dia, segundo o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans)



1.gif Carga e descarga irregular, estacionamento em fila dupla e congestionamento: cena rotineira na Manaus Moderna
07/10/2014 às 11:14

Uma novela mexicana. Assim motoristas que trafegam diariamente pela avenida Lourenço da Silva Braga, conhecida como Manaus Moderna, no Centro, definem os problemas que já fazem parte da rotina de quem passa pelo local: estacionamentos em fila dupla, carga e descarga irregular de mercadorias e parada em local proibido, sem falar nos maus hábitos de flanelinhas, que chegam a ameaçar motoristas e até agentes de trânsito.

As irregularidades resultam na aplicação de 70 autuações por dia, segundo o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans).

Para o carregador Fernando Nunes, 26, os problemas da avenida são os mesmos há anos e não há uma previsão de quando eles serão resolvidos de forma definitiva. “Todos os dias é a mesma coisa, quando tem fiscalização é rápido e não funciona. Parece uma novela, mas daquelas longas, cheias de drama, que acabam e voltam. Pois é, essa é a situação da Manaus Moderna”, afirmou Fernando.

Para o vendedor Cleber da Conceição, 32, a única diferença é que as novelas mexicanas passam à tarde e têm hora para acabar. “É até engraçado, tem umas que eu até gosto de assistir, por não demorarem tanto para acabar. Já essa situação da Manaus Moderna tem hora para começar: cinco da manhã, mas não tem hora para terminar, dura o dia todo”, disse.

Irregular e ‘tranquilo’

Motorista de veículos de frete, Dimas Nascimento, 45, é um dos responsáveis pelo caos diário no trânsito da Manaus Moderna. É que, segundo ele, parar o veículo em fila dupla, apesar de irregular, é uma prática cotidiana de quem trabalha fazendo frete no Centro. Apesar da infração, ele se diz tranquilo em relação à fiscalização. Ou melhor, à ausência dela. “Os agentes aparecem aqui muito rápido, depois que eles passam não voltam mais. E eles nem saem do carro, se multam é de dentro do carro mesmo. Mas eu nunca recebi”, afirmou.

O Manaustrans informou que, no momento em que a reportagem esteve da avenida Lourenço da Silva Braga, a equipe de agentes de trânsito que fiscaliza os arredores da Manaus Moderna estava em outras ruas próximas, “com igual necessidade da presença dos agentes”, como rua dos Barés e Barão de São Domingos e, por isso, não foi avistada.

O Manaustrans reiterou que a fiscalização na avenida Lourenço da Silva Braga é realizada diariamente, com uma média de 70 autuações por dia.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.