Publicidade
Manaus
Manaus

Mototaxista é morto com cinco tiros em beco no bairro Aleixo

Vítima estava na frente de casa quando uma dupla em um Voyage preto chegou atirando. Ele estaria prometido de morte, mas família diz em morto por engano 29/08/2015 às 12:25
Show 1
Marcas de tiro ainda puderam ser observadas no portão da casa da vítima
Oswaldo Neto Manaus

O mototaxista Márcio José Nascimento da Silva, 27, foi morto com cinco tiros na madrugada deste sábado (29) no beco São Domingos, localizado no bairro Aleixo, Zona Centro-Sul da capital. Segundo testemunhas, os assassinos estavam em um carro preto de modelo Voyage. Eles não foram identificados pela polícia.

O crime ocorreu por volta de 2h. Na ocasião, conforme relataram testemunhas, a vítima estava em frente a sua casa quando dois homens em um veículo preto chegaram atirando. “Só ouvi os tiros e fiquei desesperada. Nós não o conhecíamos direito, mas ele não tinha boa fama. Ele estava prometido (de morte) e ficava ‘marcando’”, disse uma vizinha da vítima, que não quis ser identificada.

Na residência de Márcio, um familiar disse que o mototaxista não tinha envolvimento com o crime. “Ele trabalhava como mototaxista. Não temos detalhes do que aconteceu, só sabemos que eles chegaram atirando. Achamos que ele pode ter sido morto por engano”, contou um irmão de Márcio. Marcas de tiro ainda puderam ser observadas no portão da casa de Márcio.

Após o crime, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e liberado por familiares. De acordo com a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), a vítima foi alvejada por pelo menos cinco tiros. Os suspeitos do crime ainda não foram identificados pela polícia. O caso será investigado.

Publicidade
Publicidade