Publicidade
Manaus
DECISÃO

Moustafa e Zaidan serão soltos neste sábado (23) após juiz negar prisão preventiva

Keytiane Evangelista e José Duarte dos Santos Filho, também presos durante a operação “Custo Político”, serão liberados 22/12/2017 às 23:24 - Atualizado em 22/12/2017 às 23:28
Show dupla 123
Fotos: Divulgação
Janaína Andrade e Vitor Gavirati Manaus (AM)

Presos no último dia 13 durante a operação "Custo Político", da Polícia Federal (PF), o ex-secretário Raul Zaidan (Casa Civil), o empresário Mouhamad Moustafa, Keytiane Evangelista e José Duarte dos Santos Filho serão soltos às 6h deste sábado (23).

A soltura do quarteto ocorre após o juiz federal Wendelson Pereira Pessoa negar na noite desta sexta-feira (23) um pedido da Polícia Federal para transformar a prisão temporária em prisão preventiva. Leia a decisão clicando aqui

Eles tiveram a prisão temporária decretada no último dia 13, durante a operação “Custo Político”. Os quatro foram mantidos por dez dias em custódia no Centro de Detenção Provisória de Manaus 2 (CDPM 2), localizado no km 8 da rodovia BR-174 (Manaus - Boa Vista).

De acordo com a legislação, a pena da prisão temporária é de cinco dias, podendo ser prorrogada por mais cinco.

Na decisão, o magistrado entende que não há a necessidade de decreto da prisão preventiva do grupo.

“Compulsando os autos, não se vislumbra fatos novos aptos à decretação de prisão preventiva dos investigados. Com efeito, após o término da constrição cautelar, o diligente Delegado de Polícia Federal não logrou identificar novos elementos probatórios que revelassem a inarredável necessidade da severa medida de constrição pessoal”, diz trecho que fundamenta a decisão.

Publicidade
Publicidade