Publicidade
Manaus
POLÍTICA

MPE-AM solicita da PM informações sobre segurança durante ato contra Bolsonaro

Na solicitação, o procurador do Ministério Público Eleitoral (MPE) Rafael Rocha encaminhou a notícia de que apoiadores do candidato Jair Bolsonaro estão programando uma manifestação para o mesmo local e horário 27/09/2018 às 20:41 - Atualizado em 28/09/2018 às 11:20
Show largo d6932d0b 6431 46f2 afa1 b0cb3700d826
Local onde vai ocorrer o evento. Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

O procurador regional eleitoral, Rafael da Silva Rocha solicitou, nesta quinta-feira (27), no prazo de 24 horas, informações ao Comandante-Geral da Polícia Militar sobre o esquema de policiamento que será organizado pela corporação para garantir a integridade física e a segurança dos participantes da “Manifestação Mulheres Contra o Fascismo”, que ocorrerá neste sábado (29), no Largo São Sebastião, em Manaus, às 17h.

O documento é endereçado ao antigo Comandante-Geral da PM, coronel David de Souza Brandão, mas deve ser respondido pelo atual coronel à frente da força policial do Estado, José Cláudio Nonato da Silva.

A solicitação do Ministério Público Eleitoral atende ao pedido do coletivo feminista partidAmazonas. Na solicitação, o procurador Rafael Rocha encaminhou a notícia de que apoiadores do candidato Jair Bolsonaro estão programando uma manifestação para o mesmo local e horário.

“Ressalto que todos são livres para se reunirem pacificamente em locais abertos ao público, ‘desde que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local’, conforme prevê o artigo 5º., inciso XVI, da Constituição Federal”, disse o procurador Rafael Rocha em seu comunicado ao comandante-geral da PM no Amazonas.

A partidAmazonas é um movimento suprapartidário com representação em 19 estados do país. Sua missão é impulsionar e empoderar mulheres feministas a serem protagonistas na política institucional.

Em Manaus, a “Manifestação Mulheres Unidas Contra o Fascismo” é organizada pelo 8M – Manaus, que é uma plataforma que agrega uma diversidade de movimentos, entidades e mulheres ativistas dos direitos das mulheres. O movimento visa alertar a população contra as ideias radicais e preconceituosas que incitam a violência, principalmente contra as mulheres, defendidas por Jair Bolsonaro (PSL), candidato à Presidência da República nestas eleições. A realização da manifestação foi comunicada à gestão do Largo São Sebastião e ao Comando-Geral da Polícia Militar.

O Movimento “Mulheres Unidas Contra o Fascismo” iniciou a partir da adesão de diversas mulheres em todo o Brasil nos grupos do Facebook. O ato está sendo convocado em mais de 100 cidades brasileiras, além de dezenas de cidades do exterior, como Lisboa, Porto e Coimbra (Portugal), Berlim (Alemanha), Lyon (França), Galway (Irlanda), Barcelona (Espanha), Sidney e Gold Coast (Austrália) e Haia (Holanda), dentre outras.

Serviço

O quê: Manifestação Mulheres Contra o Fascismo

Onde: Largo de São Sebastião – Centro de Manaus.

Horário: 17h

Quando: 29 de setembro (sábado)

Publicidade
Publicidade