Domingo, 19 de Maio de 2019
Mulher pressa

Mulher é detida por tentar entrar em presídio com celular na vagina

Rosely da Silva Meireles é companheira de  um detendo que está na Unidade Prisional do Puraquequara e tentou entrar com o celular durante o horário de visitas



1.jpg
Além do smartphone, chips também estavam no pacote apreendido
19/01/2013 às 16:50

Uma mulher foi detida durante revista feita na Unidade Prisional do  Puraquequara, em Manaus. Rosely da Silva Meireles é companheira de um detento que cumpre pena no presídio e estava  indo visitá-lo neste sábado (19).

Rosely estava com um celular,uma bateria e dois chips escondidos na vagina e tentou burlar a segurança do presídio  mas foi denunciada por uma agente de disciplina. A mulher foi detida e levada ao 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para ser interrogada. De acordo com informações passadas na própria delegacia, ela deve ser liberada.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.