Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019
Manaus

Mulher e filho são encontrados mortos a facadas; suposto namorado é o principal suspeito

Duplo homicídio ocorreu no local onde os dois residiam, no bairro Compensa 2, Zona Oeste de Manaus. Corpos foram encontrados por outra filha da vítima, e vizinhos informaram que um homem moreno e alto foi visto deixando o local no sábado (5), quando as vítimas foram vistas pela última vez



1.jpg Rua Campos Sales ficou movimentada enquanto o IML fazia a remoção dos corpos
14/12/2015 às 13:13

A empregada doméstica Rosely de Castro Marinho, de 41 anos, e o seu filho Mateus Marinho Martins, de 17, portador de necessidades especiais, foram assassinados com várias facadas na manhã deste domingo (6), em Manaus. O duplo homicídio ocorreu dentro da estância onde eles moravam, localizada na rua Campos Sales do bairro Compensa 2, na Zona Oeste da capital, e chocou a vizinhança.

O principal suspeito do crime é um homem, identificado como moreno e alto, supostamente um namorado de Rosely, segundo informou os vizinhos e amigos dela. O homem chegou ao local na última sexta-feira (4) e saiu sábado (5) ainda de tarde. Depois disso, as vítimas não foram mais vistas. 

Segundo o soldado Melgueiro, lotado na 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Rosely foi assassinada com várias perfurações em todo o seu corpo e foi encontrada em cima da cama, despida. Segundo a polícia, foram 31 golpes desferidos contra ela.

Corpos foram encontrados dentro da estância que alugavam, na manhã deste domingo. Divulgação



O corpo de Mateus, que segundo os vizinhos possuia dificuldades na fala, foi achado atrás de um sofá na sala, apresentando pelo menos 22 perfurações de golpes de faca. Um vizinho da vítima, um autônomo de 37 anos, contou que ela e o filho eram pessoas boas e nunca deram problemas para ninguém.

Familiares informaram que Rosely trabalhava como doméstica na casa de uma família. Os corpos foram encontrados por uma filha da vítima, que morava em outro local.

Vizinhos da vítima disseram que o suposto namorado era um homem estranho e que aparecia de vez em quando na casa dela. Segundo informações do soldado Melgueiro, que atendeu a ocorrência, nada foi levado de dentro da residência. 

O caso foi registrado no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Até o momento ainda não há informação sobre a motivação do crime.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.