Publicidade
Manaus
EXECUÇÃO

Mulher é morta dentro de carro da Uber com quatro tiros por dupla em motocicleta

Iracele Silva das Neves, 20, foi executada no Centro de Manaus; dupla parou ao lado do veículo e efetuou os disparos 20/12/2017 às 19:08 - Atualizado em 20/12/2017 às 19:14
Show uber 123
Foto: Gilson Mello
Fábio Oliveira Manaus (AM)

A passageira de um carro da Uber, identificada como Iracele Silva das Neves, 20, foi executada na noite desta quarta-feira (20) com quatro tiros. O crime aconteceu no cruzamento das ruas Ferreira Pena com a Japurá, no Centro de Manaus. A vítima morreu no colo do motorista Wendel Andrade dos Santos.

De acordo com ele, a mulher solicitou o carro da Uber na rua Tarumã, no bairro Praça 14, e, ao chegar ao semáforo da rua Japurá, dois homens em uma motocicleta pararam ao lado do veículo e o garupa efetuou os disparos a queima-roupa. O motorista não foi atingido e ficou em estado de choque.

Segundo o Departamento de Polícia Técnico Científico (DPTC), a vítima foi atingida com um disparo na axila, dois no pescoço e um na cabeça. Dentro da bolsa dela foram encontrados R$ 760 em espécie. O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Uber garante seguro

De acordo com o site da Uber, os ocupantes de um veículo cadastrado na plataforma são segurados a partir do momento em que aceitam uma viagem até a chegada ao destino final.

“Quando você estiver em uma viagem, você está coberto pelo seguro da Uber. O seguro cobre despesas médicas de até R$ 5 mil por ocupante do veículo, e oferece cobertura de R$ 100 mil por pessoa em situação de invalidez permanente total/parcial ou em situações onde há óbito. O seguro passa a valer a partir do momento em que você aceita a viagem, até o momento em que chegar ao destino do usuário”, afirma a empresa.

Publicidade
Publicidade