Publicidade
Manaus
Manaus

Mulher se passou por cadeirante, sacou armas poderosas e grupo levou R$ 300 mil de agência

'Modus operandi' da quadrilha surpreendeu policiais. Parte do bando, formado por pelo menos seis pessoas, já foi identificado 29/06/2015 às 16:26
Show 1
Fábio Oliveira Grupo de assaltantes se especializou na arte e encenou uma forma criativa de driblar o controle de segurança
Fábio Oliveira Manaus (AM)

Um assalto cinematográfico ocorreu na manhã de ontem (29) em uma agência bancária, no bairro Manôa, Zona Norte de Manaus, de onde foi roubado mais de R$ 300 mil em espécie. O ato surpreendeu a Polícia Civil pelo “modus operandis” que a quadrilha usou durante o roubo.

Uma mulher, de cabelo loiro, se passou por uma deficiente física em uma cadeira de rodas e entrou pela porta sem detector de metal na agência bancária, localizada no estacionamento de uma rede de supermercados da capital, e, ao chegar ao estabelecimento, levantou-se e tirou pelo menos três pistolas de um fundo falso da cadeira.

Cadeira utilizada na ação (Foto: Divulgação)

Três homens que já estavam dentro da agência pegaram as armas da falsa cadeirante e anunciaram o assalto. De acordo com o autônomo, que preferiu se identificar apenas como Cristiano e que estava dentro do banco na hora do ocorrido, os suspeitos foram direto ao caixa, onde estavam malotes de dinheiro.

Ele relatou que, quando entrou na agência, a suspeita já estava dentro do local. Segundo a testemunha, o carro forte havia acabado de deixar algumas maletas com dinheiro em espécie. A suspeita é de que o bando já aguardava dentro do estabelecimento a chegada dos malotes.

De acordo com informações preliminares do cabo Stive, da 6ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), o bando levou seis malotes, contendo, aproximadamente, R$ 50 mil cada um. O valor oficial não foi repassado pela gerência da Caixa Econômica. Toda a ação da quadrilha foi filmada por câmeras de vigilância e alguns deles já foram identificados. Um segurança do local reconheceu um dos suspeitos por foto.

Nas imagens do circuito interno de segurança é possível ver, pelo menos, três suspeitos armados com pistolas. Uma equipe da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd) esteve no local e analisou os vídeos. Segundo o delegado Adriano Félix, titular da Derfd, seis pessoas participaram do roubo.

“A princípio foram seis pessoas, mas não descarto a possibilidade de mais integrantes estarem envolvidos, pois havia um veículo do lado de fora à espera do bando”, explicou Félix, ao revelar, também, que o carro usado na fuga tem características de um Celta, da marca Chevrolet.

O capitão Wallasson de Almeida, da 6ª Cicom, informou que equipes da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) e da Força Tática realizaram várias rondas no bairro do Novo Israel com intenção de capturar o bando, mas sem sucesso.

Saiba mais: Acionamento

O assalto ocorreu por volta de 10h30. A equipe da Derfd foi acionada no momento em que os suspeitos ainda estavam dentro da agência. Hoje à tarde a equipe de investigação deve analisar imagens de um circuito de segurança de uma drogaria próxima da agência e que pode ter filmado o veículo usado na fuga.

Publicidade
Publicidade