Publicidade
Manaus
POLÍCIA

Mulher usada como 'mula' e dono de droga que seria enviada a SP são presos

Suspeita foi presa em flagrante no Aeroporto Eduardo Gomes nesta sexta-feira (22) com droga escondida na bagagem. Dono do material foi localizado em Tefé 22/06/2018 às 15:25
Show drogas
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Uma mulher identificada como Karla Fabiana Castro Xaud, de 38, foi presa em flagrante em Manaus nesta sexta-feira (22) tentando embarcar para São Paulo com 6 kg de maconha em uma bagagem. Um homem apontado como o dono da droga, Leandro Oliveira de Brito, foi preso em Tefé.

A suspeita foi presa no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, na Zona Oeste de Manaus. A ação ocorreu em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) e Polícia Ceferal.

Segundo as investigações, o material estava acomodado em uma bolsa trazida por Karla. A mulher foi detida assim que a aeronave vinda de Tefé desembarcou em Manaus, às 10h55. Daqui ela seguiria para São Paulo, com embarque previsto para as 15h desta sexta-feira. O mandado de prisão de Leandro foi cumprido em Tefé pela Polícia Militar.

Os policiais abordaram Karla ainda dentro da aeronave. As bagagens dela foram retiradas do porão do avião e novamente passadas no equipamento de raio-x, onde foi identificada a presença do entorpecente. A mala estava fechada com cadeado e foi aberta na presença dela. Os policiais encontraram o pacote de maconha embalado à vácuo embaixo de um travesseiro.

Na hora da abordagem, Karla disse que tinha trazido a bolsa à pedido de um desconhecido quando estava embarcando em Tefé.

"Ao ser presa, ela admitiu que a bolsa que continha o entorpecente era dela. Mas não quis falar de quem teria recebido a mercadoria, nem para quem entregaria. Disse apenas que uma pessoa receberia a bolsa em São Paulo, sem declinar nomes e outras informações. Ela também não quis dizer quanto receberia pelo serviço criminoso", relata o delegado Denis Pinho, coordenador de operações da Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai).

Segundo a SSP, esta não é a primeira vez que Karla é flagrada envolvida em atividades criminosas. Em março de 2016, ela foi presa pela Polícia Civil ao lado da filha, de 18 anos, por envolvimento em um roubo a um bar na avenida das Torres. A jovem trabalhava no estabelecimento. Com elas, os policiais também prenderam um homem, em flagrante, com uma arma de fogo.

Karla Fabiana Castro Xaud levada para o 19° Distrito Integrado de Polícia (DIP) e será encaminhada para audiência de custódia. Já Leandro Oliveira de Brito ficará preso em Tefé, respondendo por tráfico de drogas.

Publicidade
Publicidade