Segunda-feira, 22 de Abril de 2019
publicidade
WhatsApp_Image_2018-12-20_at_17.14.31_23E47AEB-D9D7-490D-8994-57E6CCF9A144.jpeg
publicidade
publicidade

‘Não morri porque Deus não quis’, diz motorista de app que levou 22 facadas

Luiz Corrêa, de 36 anos, foi esfaqueado em tentativa de assalto durante uma corrida no bairro Japiim, em Manaus


20/12/2018 às 17:38

“Não morri porque Deus não quis. Estava sem forças e já não aguentava mais ser furado”. O relato é do motorista da Uber Luiz Nielson de Araújo Corrêa, 36, que levou 22 facadas durante tentativa de assalto na tarde dessa quarta-feira (19), no bairro Japiim, na Zona Sul de Manaus. Ele falou com exclusividade ao portal A Crítica.

De acordo com o motorista, um dos suspeitos do crime é Rafael Silva, que é regularmente cadastrado no aplicativo. Segundo o motorista, ele e outro comparsa pediram a corrida em frente ao Millennium Shopping, na Chapada, com destino ao Japiim. 

“Vieram falando normalmente, conversando e na rua 44 anunciaram o assalto”, disse ele. Para a reportagem, Luiz Nielson esclareceu que não reagiu à abordagem, mas que se assustou quando um dos criminosos colocou a faca em seu pescoço. “Tomei um susto e meti a mão no meio, foi quando lutei e eles me esfaquearam”, disse.

Ao ser esfaqueado pela primeira vez, Luiz soltou as mãos do volante e os pés dos pedais. O carro bateu em outro veículo e dentro a dupla, cada um com uma faca, desferiu varios golpes. “Eles se assustaram porque umas pessoas saíram de uma casa e bateram no vidro, então eles fugiram”, explicou.

Ferido, o motorista da Uber foi levado para o HPS João Lúcio, onde foi socorrido. Os suspeitos fugiram sem levar nenhum objeto ou dinheiro. Um Boletim de Ocorrência foi registrado no 3 Distrito Integrado de Polícia e deve ser investigado pela Polícia Civil.

Em nota, a Uber informou que a empresa está aliviada que "Luiz Nielson de Araújo Corrêa já esteja em segurança e lamentamos que motoristas parceiros sejam vítimas da violência que permeia nossa sociedade". Segundo a nota, o usuário relacionado já foi banido do aplicativo. "Estamos à disposição para colaborar com as autoridades no curso das investigações, nos termos da lei".

 

publicidade
publicidade
TJD-AM julga impugnação de partida que pode mudar rumos do Barezão
Greve completa uma semana e professores esperam contraproposta
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.