Sábado, 24 de Outubro de 2020
POSICIONAMENTO

Nas redes sociais, David Almeida cobra respeito à democracia no Amazonas

Ex-governador diz que Amazonas tem dois grandes problemas, na economia e saúde, e que 'ratos ávidos por poder' se articulam para gerar um terceiro problema, de ordem política 



WhatsApp_Image_2020-04-22_at_17.02.55_A688A0A6-6EE3-4CE2-8082-583A4E2A1922.jpeg
22/04/2020 às 17:05

Cobrando respeito pela democracia, o prefeiturável e ex-governador interino, David Almeida (Avante), que foi um dos candidatos ao governo do Amazonas em 2018, disse através de redes sociais nesta terça-feira (21), que o Amazonas tem dois grandes problemas, de origem econômica e de saúde, evitando dar nomes, disse que “ratos ávidos por poder” se articulam para gerar um terceiro problema, de ordem política. 

David Almeida, que presidiu a Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) no biênio 2017-2018, comentou que as outras administrações estaduais colaboraram para a atual situação da saúde pública do Amazonas, e que segundo ele, “é muito fácil jogar a culpa no Wilson”. David emendou: “E quem ganhou antes do Wilson, o que fez?”, questionou o pré-candidato à prefeitura de Manaus.



Governador interino exatamente na época em que o ex-governador José Melo (PROS) foi cassado por compra de voto, afirmou que a disputa político-ideológica deve ficar para depois da pandemia do novo coronavírus. De acordo com ele, o momento é de união e ajuda.

“Muitos dos que hoje querem e que vem pregando a saída do governador, ressalto que não é hora de politizar, todo mundo sabe que não apoio, não apoiei e nem vou apoiar. Quero ajudar. Politicamente não tenho relação nenhuma”, disse.

O presidente regional do Avante pregou que o governador Wilson Lima (PSC) precisa “da ajuda” dos poderes constituídos para lidar com a disseminação desenfreada de novos casos da Covid-19, na capital e interior do Amazonas. 

“Ele precisa hoje é da ajuda, sim, da Assembleia, Tribunal de Contas, Ministério Público, Estadual, Ministério Público Federal, que inclusive que se reuniu para poder ajudar. Ajuda do Governo Federal e aqueles políticos que só atacam que ajudem, estou fazendo a minha parte”, desabafou. 

David disse que é muito triste observar, em meio à pandemia da Covid-19, “articulação política” das pessoas que criaram o problema na área da saúde do Amazonas. E disparou: “vocês acham que criando um problema político, daqui pra amanhã, vai aparecer respirador, vai aparecer UTI? O que precisamos é da união da classe política, das ideias e da classe empresarial para que possamos ajudar o governador”, afirmou. 

David disse também que Wilson não tem experiência de gestão da máquina pública. Afirmou ter denunciado a “aventura” que o estado do Amazonas entraria ao elevar o então candidato Wilson Lima à cadeira de governador do Estado. 

“Eu não votei, não apoiei, mas a constituição e a democracia precisam ser respeitadas, precisamos da ajuda de todos para que possamos passar por esse momento difícil. Precisamos respeitar a democracia e a constituição, ele é o governador de todos, e o meu governador. O prefeito é o prefeito de todos, inclusive o meu e assim também é com o presidente. Temos que torcer para que eles deem certo”, desejou. 

Almeida reforçou a necessidade da manutenção do isolamento social. “Os números são subnotificados. Centenas de pessoas estão morrendo. O número é bem maior. Acredite nisso, obedeça e ouçam as orientações do governo. Sai de casa somente estritamente necessário. Isso ainda vai agravar ainda mais”, pediu.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.