Sexta-feira, 19 de Julho de 2019
ACIDENTE

'Nasci de novo', diz motorista que sobreviveu ao ter o carro esmagado

João conta que estava parado no sinal de trânsito quando seu veículo foi atingido e arrastado por caminhão



Capturar.JPG (Foto: Divulgação)
19/09/2017 às 20:09

"Nasci de novo", disse o universitário João Victor Nogueira, de 22 anos, ao relembrar o momento em que seu carro foi esmagado por um caminhão enquanto dirigia pela Avenida General Rodrigo Otávio, no bairro Japiim, zona sul de Manaus, durante a tarde desta terça-feira (19).

João conta que estava parado no sinal de trânsito quando teve seu Honda Fit atingido pelo caminhão desgovernado. "O sinal estava aberto e eu estava engatando a marcha. De repente só vejo o caminhão cruzando minha frente e passando por cima do lado do passageiro do meu carro".

Com o carro sendo arrastado pelo caminhão por alguns metros a frente e sem ter muito o que fazer, João conta que sua única reação foi buzinar e tentar frear. "Quando ele finalmente parou, fiquei meio que em choque. Não sabia o que fazer. O carro estava destruída e eu comecei a chorar", revela ele.

Em estado de choque e com a porta de motorista presa na calçada de meio-fio, João teve de ser retirado do carro com a ajuda de pessoas que passavam pelo local no momento do acidente.

"Tiveram de abrir a porta de trás e com o meu banco abaixado, eles me tiraram de lá", afirmou o proprietário do carro. "Quando me acalmei, liguei pro meu pai e ele acionou a seguradora. O carro deu perda total e teve de ser levado num guincho", disse ele.

Segundo João, o motorista do caminhão afirmou que tinha perdido o controle do veículo porque o mesmo estava sem freio. "O importante é que, fora o susto e os danos materiais, não sofri nenhum arranhão. Naquela hora senti que nasci de novo. Graças a Deus", concluiu ele.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.